Vision and Goals for 2015

joel

by Joel Comiskey

Have you set goals for 2015 in cell ministry? Will you? I’m sure you want to move forward in your church. You long to see more growth, new leaders developed, and a stronger cell system. Yet, you are also very busy. You have sermons to prepare, problems to overcome, and family to prioritize.

So what does it mean to have healthy cell goals versus unhealthy ones in 2015? Is it even possible? Allow me to suggest some key principles:

First, don’t make unrealistic goals. This is a common error among pastors. Suddenly, a pastor feels the urge to make goals, so he launches an incredible goal that makes him look good for the moment but has no real chance of fulfillment. Some like to take out their calculators and piously assert, “If each member could just win one more member and each cell leader could just raise up two new leaders we could have 900 cells.” Easy! Presto! In reality, it doesn’t work that way. Leaders quit. Excitement wanes. Cells close. People are busy.

For years the Elim Church in El Salvador automatically set their goals based on 100% growth. Each district, zone, and sector had to double every year. The problem was that the church never expected to double. Rather, pastors and leaders were placed on a list in the order of how close they came to arriving at the goal of doubling. Those highest on the list often only reached 22% or 24% of their goal to double. Finally, Elim changed this system because it simply wasn’t based on reality.

Second, mend the nets. in Matthew 4:21, Scripture says, “Going on from there, he saw two other brothers, James son of Zebedee and his brother John. They were in a boat with their father Zebedee, preparing their nets.” The King James  Version says that they were mending their nets. Fisherman don’t want the fish to get away, so they make sure their nets are strong and ready to catch fish.

It’s very hard to set new goals when the nets are riddled with holes and not able to catch and keep the fish. Great cell churches mend the nets by shuffling around leadership in groups that are stagnant, making sure each leader is coached, strengthening the equipping track, and recasting the cell vision to awaken people to cell ministry.

Third, focus on equipping and coaching. I remember one famous cell church pastor in Costa Rica give a lecture on goal setting. He said, “All you have to do is to know how many will graduate from the equipping track and then multiply cells based on the number of graduates.” We in the cell church world believe that new cell leaders need to first go through the church equipping before they can lead a new cell. But I don’t think it’s wise to send off solo cell leaders. It’s much better to graduate teams of leaders from the church-wide equipping and to start new cells with teams. And remember that new groups must be coached to ensure success.

Fourth, think long term. I hope you are in cell ministry for a lifetime.  You believe that cell ministry is biblical and Christ’s way to make disciples. For this reason, don’t just multiply cells to fulfill the goal. Weak groups close quickly and while it might be exciting to meet your goals in 2015, remember that 2016 is right around the corner. Multiply healthy cells that will last long-term, glorify Jesus, make disciples,  and bear fruit over the long haul.

During the month of January, we’ll be exploring various aspects of envisioning healthy goals for 2015. We will write twenty blogs on this topic in the month of January.

  • Week 1 (January 04-10) healthy goals versus unhealthy ones. A healthy goal is based on making disciples who make disciples in cell ministry. They are also based in reality. The unhealthy type of goals are based in idealism. Healthy goals are bold and visionary but focus on the long-term results, knowing that cell ministry is a lifetime strategy.
  • Week 2 (January  11-17);Mending the nets. At the end of each year, it’s good to mend the cell nets, especially if last year’s goals have been heavy and demanding. It’s important not to fish with nets full of holes. This means  discovering what went wrong and what went right. Scripture tells us to “Know the state of the flocks.”
  • Week 3 (January 18-24); Equipping and coaching.  It’s essential to base goals for new disciples  on the equipping and the coaching. I tell pastors all the time about the need to truly focus on the equipping and coaching to ensure quality in the current groups but also to reach the cell goals. Who is taking the equipping? Where are they in the process? Are the current leaders and new ones coached?
  • Week 4 (January 25-31); Consistency. I’m referring here to passion and persistence. This refers to working steadily throughout the year. Great pastors are able to dream of a better future but then work steadily on making that dream come true. The key is steady and consistent growth.

What kind of goals are you making for 2015. Feel free to share.

Joel Comiskey

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Você estabeleceu metas para o ministério celular em 2015? Você vai estabelecer? Eu tenho certeza que você quer avançar em sua igreja. Você deseja ver mais crescimento, novos lderes desenvolvidos e um sistema celular mais forte. No entanto, você também está muito ocupado(a). Você precisa preparar sermões, tem problemas a superar e famlia para priorizar.

Então, o que significa ter metas saudáveis para as células versus metas não saudáveis em 2015? Será que isso é possvel? Permitam-me sugerir alguns princpios fundamentais:

Em primeiro lugar, não faça metas irrealistas. Esse é um erro comum entre os pastores. De repente, um pastor sente a urgência de estabelecer metas e então lança uma meta incrvel que o faz parecer bom no momento, mas que não tem nenhuma chance real de se realizar. Alguns gostam de pegar suas calculadoras e afirmar piedosamente “Se cada membro pudesse pelo menos ganhar mais um membro e se cada lder de célula pudesse levantar mais dois lderes, nós teramos 900 células”. Fácil! Rápido! Na realidade não funciona dessa forma. Lderes desistem. A excitação diminui. Células fecham. Pessoas são ocupadas.

Durante anos a Igreja Elim em El Salvador estabelecia automaticamente suas metas com base em um crescimento de 100%. Cada distrito, região e setor tinha que dobrar a cada ano. O problema era que a igreja nunca esperava dobrar. Em vez disso, os pastores e lderes eram colocados em uma lista na ordem de quão perto eles estavam de chegar na meta de dobrar. Os mais altos na lista muitas vezes só chegavam em 22% ou 24% de sua meta de dobrar. Finalmente, Elim mudou esse sistema porque ele simplesmente não era baseado na realidade.

Em segundo lugar, conserte as redes. Em Mateus 4:21 a Escritura diz “Indo adiante, viu outros dois irmãos: Tiago, filho de Zebedeu, e João, seu irmão. Eles estavam num barco com seu pai, Zebedeu, preparando as suas redes.” A Versão King James diz que eles estavam consertando suas redes. Pescadores não querem que os peixes fujam, então eles se certificam que suas redes estejam fortes e prontas para pegar peixes.

É muito difcil estabelecer novas metas quando as redes estão perfuradas com buracos e não estão prontas para pegar e manter os peixes. Grandes igrejas em células consertam as redes trocando de lugar a liderança de grupos que estão estagnados, certificando-se de que cada lder seja treinado, fortalecendo o trilho de treinamento e remodelando a visão celular para despertar as pessoas para o ministério em células.

Em terceiro lugar, mantenha o foco em equipar e treinar. Eu me lembro que um pastor famoso de uma igreja em células na Costa Rica deu uma palestra sobre estabelecer metas. Ele disse “Tudo o que você precisa fazer é saber quantas pessoas vão se formar no trilho de equipamento e depois multiplicar células com base no número de formandos”. Nós no mundo da igreja em células acreditamos que novos lderes precisam primeiro passar pelo processo de equipamento da igreja antes que possam liderar uma nova célula. Mas eu não acho que é sábio enviar lderes de células sozinhos. É muito melhor graduar equipes de lderes a partir do equipamento de toda a igreja e começar novas células com equipes. E lembre-se de que novos grupos devem ser treinados para garantir o sucesso.

Em quarto lugar, pense a longo prazo. Eu espero que você esteja no ministério de células por toda a vida. Você acredita que o ministério de células é bblico e que é o caminho de Cristo para fazer discpulos. Por esta razão, não multiplique células apenas para cumprir a meta. Grupos fracos fecham rapidamente e, embora possa ser excitante para cumprir suas metas em 2015, lembre-se que 2016 está ao virar da esquina. Multiplique células saudáveis que vão durar a longo prazo, que glorificam a Jesus, fazem discpulos e frutificam durante a longa trajetória.

Durante o mês de janeiro, nós vamos explorar vários aspectos sobre visionar metas saudáveis para 2015. Nós vamos escrever vinte blogs nessa temática no mês de janeiro.

  • Semana 1 (04 a 10 de janeiro); Metas saudáveis versus metas não saudáveis. Uma meta saudável é baseada em fazer discpulos que fazem discpulos no ministério celular. Elas também são baseadas na realidade. O tipo não saudável de metas é baseado no idealismo. Metas saudáveis são ousadas e visionárias, mas concentre-se nos resultados a longo prazo, sabendo que o ministério celular é uma estratégia para toda uma vida.
  • Semana 2 (11 a 17 de janeiro); Consertando as redes. Ao final de cada ano, é bom concertar as redes das células, especialmente se as metas do último ano foram pesadas e exigentes. É importante não pescar com redes cheias de buracos. Isso significa descobrir o que deu errado e o que deu certo. A Escritura nos diz para “Conhecer o estado dos rebanhos”.
  • Semana 3 (18 a 24 de janeiro); Equipando e treinando. É essencial basear metas para novos discpulos no equipamento e treinamento. Eu falo o tempo todo a pastores sobre a necessidade de concentrar-se verdadeiramente no equipamento e treinamento para garantir a qualidade nos grupos atuais, mas também para alcançar os objetivos da célula. Quem está sendo equipado? Onde eles estão no processo? Os lderes atuais e os novos estão treinados?
  • Semana 4 (25 a 31 de janeiro); Consistência. Estou me referindo aqui à paixão e persistência. Isso refere-se a trabalhar de forma constante ao longo do ano. Grandes pastores são capazes de sonhar com um futuro melhor, mas, em seguida, trabalhar de forma constante para que esse sonho se torne realidade. A chave é o crescimento constante e consistente.

Que tipo de metas você está fazendo para 2015? Sinta-se livre para compartilhar aqui.

Joel Comiskey

Spanish blog:

Visión y Metas para 2015

Por Joel Comiskey

Has establecido metas para el año 2015 en el ministerio celular? ¿Quieres? Estoy seguro de que quieres seguir adelante en tu iglesia. Tú anhelas ver más crecimiento, nuevos lderes desarrollados, y un sistema de células más fuerte. Sin embargo, también está muy ocupado. Tienes predicaciones a preparar, problemas que superar, y una familia que necesita tu atención.

Entonces, ¿Qué significa hacer metas saludables en el 2015? ¿Es posible? Permtanme sugerirles algunos principios clave:

En primer lugar, no hagas metas poco realistas. Este es un error común entre los pastores. De repente, un pastor siente la necesidad de hacer metas, as que pone una meta increble que hace que se vea bien por el momento, pero no es posible que se haga realidad. Algunos les gusta sacar sus calculadoras y piadosamente afirmar: “Si cada miembro sólo gana un miembro más y cada lder sólo levanta dos nuevos lderes podramos tener 900 células.” ¡Fácil! ¡Excelente! Pero en realidad, no funciona de esa manera. Los lderes renuncian. La emoción se desvanece. Las células cierran. La gente está ocupada.

Por muchos años, la Iglesia Elim en El Salvador pidió que cada distrito, zona, y sector tuvieron que duplicar cada año (crecimiento 100%). El problema era que la iglesia nunca esperaba que se duplicara. Más bien, los pastores y los lderes fueron puestos en una lista en el orden en que se aproximaron a la meta de duplicar. Aquellos con el nivel más alto de la lista sólo alcanzaron el 22% o 24% de su objetivo de duplicar. Por último, Elim cambió este sistema, ya que simplemente no estaba basado en la realidad.

En segundo lugar, repara las redes. En Mateo 4:21, la Biblia dice: ” Pasando de all, vio a otros dos hermanos, Jacobo hijo de Zebedeo, y Juan su hermano, en la barca con Zebedeo su padre, que remendaban sus redes; y los llamó.” La versión King James dice que estaban arreglando sus redes. Los pescadores no quieren que sus peces escapen, as que se aseguran en tener redes fuertes y listas para la captura de peces.

Es muy difcil establecer nuevas metas cuando las redes están llenas de agujeros y no se pueden capturar y mantener a los peces. Las grandes iglesias celulares reparan sus redes por medio de:

En tercer lugar, se concentran en la capacitación (ruta de entrenamiento) y entrenamiento (coaching). Recuerdo un pastor famoso de la iglesia celular en Costa Rica cuando daba una conferencia sobre el establecimiento de metas. Él dijo: “Todo lo que tienes que hacer es saber cuántos se graduarán en la pista de equipamiento y luego multiplicar las células en función al número de graduados.” Nosotros en el mundo de la iglesia celular creemos que los nuevos lderes celulares tienen que pasar por la capacitación antes de facilitar un nuevo group. Pero creo que sea prudente enviar a los lderes celulares solos. Es mucho mejor graduar equipos de lderes y iniciar nuevas células con los equipos.

En cuarto lugar, piensa a largo plazo. Espero que vas a continuar en la visión celular toda la vida. Tu crees que el ministerio celular es bblico y el camino de Cristo para hacer discpulos. Por esta razón, no sólo multiplique las células para cumplir la meta. Los grupos débiles cierran rápidamente y es posible ser emocionante alcanzar las metas en el 2015, pero recuerda que el 2016 está a la vuelta de la esquina. Multiplica células saludables que duren largo plazo, glorifica a Jesús, haz discpulos, y da fruto a largo plazo.

Durante el mes de enero, vamos a explorar diversos aspectos de lanzar metas saludables para el 2015. Vamos a escribir veinte blogs sobre este tema en el mes de enero. Vamos a cubrir:

  • Semana 1 (Enero 4 al 10) Metas saludables contra Metas no saludables. Una meta saludable se basa en hacer discpulos que hacen discpulos en el ministerio celular. También se basan en la realidad. El tipo de metas poco saludable se basan en el idealismo. Las metas saludables son audaces y visionarias, pero se concentran en los resultados a largo plazo, sabiendo que el ministerio celular es una estrategia de toda la vida.
  • Semana 2 (Enero 11 al 17); arreglando las redes. Al final de cada año, es bueno remendar las redes, sobre todo si las metas del año pasado fueron pesadas y exigentes. Es importante no pescar con redes llenas de agujeros. Esto significa descubrir lo que salió mal y lo que salió bien. La Escritura nos dice que debemos “conocer el estado de nuestros rebaños.”
  • Semana 3 (Enero 18 al 24); Equipamiento y entrenamiento. Es esencial basar las metas para los nuevos discpulos en el equipamiento y el entrenamiento. Yo les digo a los pastores todo el tiempo que necesitamos concentrarnos realmente en el equipamiento y entrenamiento para asegurar la calidad de los grupos actuales, y también para alcanzar las metas. ¿Quién está tomando el equipamiento? ¿Dónde están en el proceso? ¿Están siendo entrenados los lderes actuales y los nuevos lderes?
  • Semana 4 (Enero 25 al 31); Consistencia. Me estoy refiriendo a la pasión y la persistencia. Esto se refiere a trabajar de manera constante durante todo el año. Los grandes pastores son capaces de soñar con un mejor futuro, pero luego trabajar constantemente en hacer realidad ese sueño. La clave está en el constante y consistente crecimiento.

¿Qué tipo de metas usted está haciendo para el año 2015?

Joel Comiskey

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Subscribe To Our NewsletterJoin our mailing list to receive the latest news and updates from our team.

You have Successfully Subscribed!