Developing New Leaders

mario

by Mario Vega, www.elim.org.sv

Multiplication is critical in cell ministry.  As cells multiply, more room for Christians to exercise their ministry is available and more people are reached for the gospel. The influence of the church all over the city expands and above all, more disciples are made for Jesus Christ in a New Testament house to house church model.

But multiplication cannot take place unless there is a multiplication of leadership. The development of new leaders primarily rests upon current leadership. Like in many areas of life, a person only learns how to be a leader through practice. It is necessary for leaders to open up room for participation in order to delegate apprentices with meaningful functions within the cell. Although the leader guides the cell, his leadership should be focused on the development of new leaders. His task is to open a space of participation for core members. Thus, the best cell groups develop teams of ministers. The host, the leader assistant, and a secretary in charge of filling out the cell report forms part of that team. The idea is to provide the widest possible participation of those in the cell, with the goal of developing new leaders.

The leader’s role is not to monopolize all functions within the cell; on the contrary, it is about delegating as much as possible so that others can participate in the work of the ministry.

Mario

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Desenvolvendo Novos Lderes por Mario Vega, www.elim.org.sv

A multiplicação é crucial no ministério celular. Conforme as células multiplicam, fica disponvel mais espaço para os cristãos exercerem seu ministério e mais pessoas são alcançadas para o Evangelho. A influência da igreja por toda a cidade se expande e, acima de tudo, mais discpulos são feitos para Jesus Cristo em uma igreja no modelo do Novo Testamento de casa em casa.

Mas a multiplicação não pode ocorrer a menos que haja uma multiplicação da liderança. O desenvolvimento de novos lderes cabe principalmente à liderança atual. Como em muitas áreas da vida, uma pessoa só aprende a ser um lder através da prática. É necessário que os lderes abram espaço para a participação, a fim de delegar aprendizes com funções significativas dentro da célula. Embora o lder guie a célula, a sua liderança deve ser focada no desenvolvimento de novos lderes. Sua tarefa é abrir um espaço de participação para os membros do núcleo. Assim, as melhores células desenvolvem equipes de ministros. O anfitrião, o lder assistente e um secretário encarregado de preencher o relatório celular fazem parte dessa equipe. A ideia é proporcionar a mais ampla participação possvel das pessoas da célula, com o objetivo de desenvolver novos lderes.

O papel do lder não é monopolizar todas as funções dentro da célula; pelo contrário, é delegar o máximo possvel para que outros possam participar da obra do ministério.

Mario

Spanish blog:

El propósito del trabajo celular es la multiplicación. En la medida que las células se multiplican se abren espacios para que los cristianos puedan ejercer la obra del ministerio, se alcanzan a más personas con el evangelio, se expande la influencia de la iglesia en la ciudad y más creyentes vuelven al modelo de la iglesia del Nuevo Testamento.

Pero, la multiplicación no se puede producir si antes no se ha producido la multiplicación de lderes. La generación de nuevos lderes es una responsabilidad de los lderes ya en funciones. Al igual que muchas cosas en la vida, se aprende a ser lder solamente por la práctica. Es necesario que los lderes puedan abrir esos espacios de participación para los aprendices delegándoles funciones significativas dentro de la célula. Aunque el lder es quien conduce la célula, su liderazgo debe estar en función del desarrollo de nuevos lderes. Su tarea es la de abrir la participación de los miembros del núcleo de la célula. Con ese fin, la célula debe estructurar su equipo interno de trabajo. Ese equipo esta formado por el anfitrión, el asistente del lder y un secretario encargado de llenar los formularios de reporte de la célula. La idea es la de otorgar la mayor participación posible para la formación, en la práctica, de nuevos lderes.

La función del lder no es la de acaparar todas las funciones dentro de la célula, por el contrario, es la de delegar al máximo posible a fin que otras personas participen de la obra del ministerio.

Leave a Reply

Your email address will not be published.