Vision Focus

joel

By Joel Comiskey, excerpts from Children in Cell Ministry (now available at https://joelcomiskeygroup.com/bookstore/children-in-cell-ministry-2/)

Jesus loves children, prioritizes them, and even tells us that we must become like them to enter the kingdom of God. During this month, I’ve highlighted the importance of children, how to develop them as disciples right now, and the need to take the first steps. Yet, we must first and foremost remember to let them come, knowing their special place in God’s heart.

Let Them Come

In his earthly ministry, Jesus was always ready to accept children. He welcomed them and made time for them, even in the busiest moments of his ministry. So should we. There is only a fleeting moment before children become youth and adults, and it’s during this childhood period that they are ready to learn, eager to care, and desirous of changing the world.

God blesses churches that prioritize children. A church that allows the children to come is a church with a future perspective—a church that is fulfilling the great commission and starting with those who have most time on this earth.

Let Them Lead

Isaiah 11:6 says, “The wolf will live with the lamb, the leopard will lie down with the goat, the calf and the lion and the yearling together; and a little child will lead them.” It’s the last part that captures my attention: a little child will lead them. The prophet envisions a time in the future in which children will lead the way.

God hides his great truths from the learned and reveals them to infants (Matt. 11:25). God has placed his love and blessing on children, and in one sense, he leads the Church through them, telling us that we must become like them and follow their humility and simple trust to even enter the kingdom of heaven.

Those churches who prepare for the future realize adult leadership will soon be passing. Pastor Keison at MCM understood this truth when he pondered why Wales, a historic place of red-hot revival, was now stagnant, spiritually dry, and filled with empty churches. When children lead and take the place of priority, a church looks ahead into a bright future, one that multiplies new leaders.

Let Them Multiply

From the very beginning, God told the first humans to be fruitful and multiply (Gen. 1-7). The immediate context of Genesis is physical birth and reproduction, but this same theme is repeated in Matthew 28 when Jesus refers to spiritual rebirth and making disciples of the nations. If we can tap into a child’s energy and potential, we have an entire future to deal with. In fact, some of the amazing cell churches highlighted in this book started with children in mind.

On the other hand, the discipleship process is reciprocal. In a very real sense, children disciple us. After all, unless we change and become like little children, we will never enter the kingdom of heaven. The greatest in God’s kingdom, in fact, will be those who practice the humility of a child. Children teach us what greatness is all about, and in the process they show us how to truly become disciples of Jesus Christ.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Foco da Visão

Por Joel Comiskey, excertos de Children in Cell Ministry (As Crianças no Ministério Celular, em tradução livre) (agora disponvel em https://joelcomiskeygroup.com/bookstore/children-in-cell-ministry-2/)

Jesus ama as crianças, Ele as prioriza, e até mesmo nos diz que devemos nos tornar como elas para entrarmos no Reino de Deus. Durante este mês, eu destaquei a importância das crianças, como desenvolvê-las como discpulos agora e a necessidade de dar os primeiros passos. No entanto, devemos nos lembrar em primeiro lugar de deixar que elas venham, sabendo seu lugar especial no coração de Deus.

Deixem-nas Vir

Em seu ministério terrestre, Jesus estava sempre pronto a aceitar as crianças. Ele as acolheu e deu tempo para elas, mesmo nos momentos mais movimentados do seu ministério. Nós também devemos fazer isso. Há apenas um rápido momento antes das crianças se tornarem jovens e adultos, e é durante este perodo da infância que elas estão prontas para aprender, ansiosas para cuidar e desejosas por mudar o mundo.

Deus abençoa as igrejas que priorizam crianças. Uma igreja que permite que as crianças venham é uma igreja com uma perspectiva de futuro – uma igreja que está cumprindo a grande comissão e começando com aqueles que têm mais tempo nesta terra.

Deixem-nas Liderar

Isaas 11:6 diz: “O lobo viverá com o cordeiro, o leopardo se deitará com o bode, o bezerro, o leão e o novilho gordo pastarão juntos; e uma criança os guiará”. É a última parte que chama a minha atenção: uma criança os guiará. O profeta visualiza um tempo no futuro em que uma criança vai guiar o caminho.

Deus esconde dos sábios Suas grandes verdades e as revela aos pequeninos (Mat. 11:25). Deus colocou o Seu amor e benção sobre as crianças e, em certo sentido, Ele conduz a Igreja através delas, nos dizendo que devemos nos tornar como elas e seguir a sua humildade e confiança simples para entrar no Reino dos céus.

As igrejas que se preparam para o futuro percebem que a liderança do adulto em breve vai passar. O pastor Keison da MCM compreendeu essa verdade quando ele ponderou o porquê de Wales, um lugar histórico de avivamento em brasa, estar agora estagnado, seco espiritualmente e cheio de igrejas vazias. Quando as crianças lideram e tomam o lugar de prioridade, uma igreja olha adiante para um futuro brilhante, uma igreja que multiplica novos lderes.

Deixem-nas Multiplicar

Desde o incio, Deus disse aos primeiros seres humanos para serem frutferos e multiplicarem (Gen. 1-7). O contexto imediato de Gênesis é o nascimento fsico e reprodução, mas este mesmo tema é repetido em Mateus 28 quando Jesus se refere ao renascimento espiritual e a fazer discpulos das nações. Se nós drenarmos a energia e potencial de uma criança, temos um futuro inteiro para lidar. Na verdade, algumas das surpreendentes igrejas em células destacadas neste livro começaram com as crianças em mente.

Por outro lado, o processo de discipulado é recproco. Em um sentido muito real, as crianças nos discipulam. Afinal de contas, a não ser que nós mudemos e nos tornemos como crianças, nós jamais entraremos no Reino dos céus. Os maiores no Reino de Deus, na verdade, serão aqueles que praticam a humildade de uma criança. As crianças nos ensinam sobre do que se trata a grandeza, e no processo elas nos mostram como realmente nos tornarmos discpulos de Jesus Cristo.

Spanish blog:

Enfocuar en la Visión

Por Joel Comiskey, extractos de la Infancia en el Ministerio Celular (ahora disponible en https://joelcomiskeygroup.com/bookstore/children-in-cell-ministry-2/)

Jesús ama a los niños, les da prioridad, e incluso nos dice que debemos ser como ellos para entrar en el reino de Dios. Durante este mes, hemos hablad mucho sobre la importancia de los niños, cómo desarrollarlos como discpulos en este momento, y la necesidad de dar los primeros pasos. Sin embargo, debemos, ante todo, recordar, que los niños tienen un lugar especial en el corazón de Dios.

Que vengan

En su ministerio terrenal, Jesús siempre estaba dispuesto a aceptar a los niños. Él les dio la bienvenida e hizo tiempo para ellos, incluso en los momentos de mayor actividad de su ministerio. As que deberamos hacerlo. Sólo hay un momento fugaz antes que los niños se convierten en jóvenes y adultos, y es durante este perodo de la infancia que están listos para aprender y deseosos de cambiar el mundo.

Dios bendice a las iglesias que dan prioridad a los niños. Una iglesia que permite a los niños venir es una iglesia con una futura brillante–es una iglesia que está cumpliendo con la gran comisión y comenzando con aquellos que tienen más tiempo en esta tierra.

Déjelos Dirigir

Isaas 11: 6 dice: “El lobo vivirá con el cordero, y el leopardo se echará con el cabrito, el becerro y el león y el añal juntos; y un niño pequeño los conducirá “Es la última parte que capta mi atención:. un niño pequeño los conducirá. El profeta imagina un momento en el futuro en el que los niños van a liderar el camino.

Dios esconde sus grandes verdades a los sabios y les revela a bebés (Mat. 11:25). Dios ha puesto su amor y bendición sobre los niños, y en un sentido, que conduce a la Iglesia a través de ellos, que nos dice que debemos ser como ellos y seguir su humildad y confianza sencilla incluso para entrar en el reino de los cielos.

Las iglesias que se preparan para el futuro se dan cuenta de liderazgo adulto pronto estará pasando. Pastor Keison en MCM entiende esta verdad cuando reflexionaba sobre qué Gales, un lugar histórico para avivamiento, ahora esta estancada, espiritualmente seco y lleno de iglesias vacas. Cuando los niños se dirigen y toman el lugar de prioridad, una iglesia mira hacia adelante a un futuro brillante, que multiplica los nuevos lderes.

Déjelos Multiplicar

Desde el principio, Dios le dijo a los primeros seres humanos para ser fecundos y multiplicaos (Gn 1-7). El contexto inmediato del Génesis es el nacimiento fsico y reproducción, pero este mismo tema se repite en Mateo 28 cuando Jesús se refiere al renacimiento espiritual y hacer discpulos de todas las naciones. Si somos capaces de aprovechar la energa y el potencial de un niño, tenemos un futuro entero a tratar. De hecho, algunas de las iglesias celulares increbles comenzó pensando en los niños.

Por otro lado, el proceso de discipulado es recproca. En un sentido muy real, los niños nos discpulo. Después de todo, a menos que cambiemos y seamos como niños, nunca entrarán en el reino de los cielos. El mayor en el reino de Dios, de hecho, habrá aquellos que practican la humildad de un niño. Los niños nos enseñan lo que la grandeza se trata, y en el proceso nos muestran cómo llegar a ser verdaderamente discpulos de Jesucristo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Free Facilitator PDF download

This book on how to facilitate a small group will help your ministry

You have Successfully Subscribed!