Really? The Cell is the Church? (part 2)

bill

By Bill Mellinger, Crestline First Baptist

Did you know that Jesus only refers to the “church” two times in the Gospels? (See Matthew 16:18 and Matthew 18:17.) In Revelation 2 and 3, he also speaks to the seven “churches” of Asia. His first usage is following Peter’s anointed response to Jesus’ question, “Who do you say that I am?” His second usage is in his discussion on discipline of fellow believers. Jesus responds to Peter’s declaration that he is The Christ with, "And I tell you that you are Peter, and on this rock I will build my church, and the gates of Hades will not overcome it" (Matthew 16:18).

Peter had been called to join a band of men who learned from Jesus by watching him, listening to him, fellowshipping with him, and practicing what he taught. They were “called out” of their lifestyles to go with him and eventually to go to the world to make other disciples. Jesus had formed his first cell and on this “little pebble” he declared that he would build his church. As he describes these called out ones, Jesus says that the gates of Hell will not be able to stand against them.

Did Jesus see this small band of men as the church? Undoubtedly, he did. He describes them as a force that will be able to overcome the very place where people are held captive. These men and groups of people like them will be able to grow closer to Christ, learn to serve one another, and they will be empowered to set people free.

The cell is not just a group of people who come together in someone’s home to fellowship and care for one another. It is a force that is working together to set people free from hell. In saying that the cell is the church, does not mean that the gathered community of believers for celebration is not the church. The small group is called out to care for one another and to go and make disciples. Jesus modeled this for us with his small group.

The life group that meets in our home is part of our Oikos, our household. They were very instrumental in helping me to share Christ with members of my family, my Oikos. My brother in law, and his son are believers today because of their support and assistance. It started as we prayed for Jack and Andrew. Then Andrew came and lived with us, worked at one of the homes of someone in our group, accepted Christ through our sharing and then led his Dad to Christ.

We are called out to go out and together to set people free. The cell is the church when it is doing what Jesus did with his disciples. Let’s be the church and go break down some gates!

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Sério? A Célula é a Igreja? (parte 2)

Por Bill Mellinger, Primeira Igreja Batista de Crestline

Você sabia que Jesus se refere à "igreja" apenas duas vezes nos evangelhos? (Veja Mateus 16:18 e Mateus 18:17). Em Apocalipse 2 e 3 ele também fala às sete "igrejas" da Ásia. Seu primeiro uso segue a resposta ungida de Pedro à pergunta de Jesus: "Quem dizeis que eu sou?" Seu segundo uso é em sua discussão sobre a disciplina dos companheiros convertidos. Jesus responde a declaração de Pedro de que Ele é o Cristo dizendo: “E eu lhe digo que você é Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do Hades não poderão vencê-la” (Mateus 16:18).

Pedro tinha sido chamado para participar de um grupo de homens que aprendiam com Jesus ao observá-lo, ouvi-lo, tendo comunhão com ele e praticando o que ele ensinou. Eles foram "chamados para fora" de seus estilos de vida para irem com ele e, eventualmente, para irem ao mundo a fim de fazerem outros discpulos. Jesus tinha formado sua primeira célula e sobre esta "pedrinha" ele declarou que iria construir sua igreja. Conforme ele descrevia esses que foram chamados para fora, Jesus disse que as portas do inferno não serão capazes de resistir a eles.

Será que Jesus via esse pequeno grupo de homens como a Igreja? Sem dúvida ele via. Ele os descreve como uma força que será capaz de superar o próprio lugar onde as pessoas são mantidas em cativeiro. Esses homens e os grupos de pessoas como eles serão capazes de crescer mais perto de Cristo, aprender a servir uns aos outros, e eles serão empoderados para libertar as pessoas.

A célula não é apenas um grupo de pessoas que se reúnem na casa de alguém para a comunhão e cuidam uns dos outros. É uma força que está trabalhando em conjunto para libertar as pessoas do inferno. Ao dizer que a célula é a Igreja, não significa que a comunidade de crentes reunidos para a celebração não seja a Igreja. O pequeno grupo é chamado para cuidar uns dos outros e para ir e fazer discpulos. Jesus foi um exemplo disso para nós com seu pequeno grupo.

O grupo de vida que se reúne em nossa casa faz parte de nossa Oikos, nosso lar. Eles foram muito úteis para me ajudar a compartilhar Cristo com os membros da minha famlia, minha Oikos. O meu cunhado e seu filho são convertidos hoje por causa do apoio e assistência deles. Começou quando oramos por Jack e Andrew. Então Andrew veio e conviveu conosco, trabalhou em uma das casas de alguém em nosso grupo, aceitou a Cristo através da nossa convivência e, em seguida, levou seu pai a Cristo.

Somos chamados para sairmos juntos para libertar as pessoas. A célula é a Igreja quando ela está fazendo o que Jesus fez com seus discpulos. Vamos ser a Igreja e quebrar alguns portões!

Bill

Spanish blog:

¿De Verdad? ¿La célula es la Iglesia? (parte 2)

Por Bill Mellinger, Crestline Primera iglesia Bautista

¿Sabas que Jesús sólo se refiere a la "iglesia" dos veces en los Evangelios? (Véase Mateo 16:18 y Mateo 18:17). En Apocalipsis 2 y 3, también habla a las siete "iglesias" de Asia. Su primer uso está siguiendo la respuesta de Pedro a la pregunta de Jesús: "¿Quién decs que soy?" Su segundo uso es en su discusión sobre la disciplina de los hermanos en la fe. Jesús responde a la declaración de Pedro, que él es el Cristo: "Y yo te digo que tú eres Pedro, y sobre esta piedra edificaré mi iglesia, y las puertas del infierno no prevalecerán contra ella" (Mateo 16:18).

Pedro haba sido llamado para unirse a un grupo de hombres que aprendieron de Jesús mirándolo, escuchándolo, estando en comunión con él, y practicando lo que él enseñaba. Ellos fueron "llamados a salir" de su estilo de vida para ir con él y con el tiempo para ir al mundo para hacer otros discpulos. Jesús haba formado su primera célula y en este "pequeño pueblo", él declaró que iba a construir su iglesia. Como él describe estos llamados afuera, Jesús dice que las puertas del infierno no podrán estar en contra de ellos.

¿Vio Jesús esta pequeña banda de hombres como la iglesia? Sin lugar a dudas, lo hizo. Los describe como una fuerza que sea capaz de superar el mismo lugar donde las personas se mantienen en cautiverio. Estos hombres y grupos de personas como ellos serán capaces de acercarnos más a Cristo, aprender a servirnos unos a otros, y ellos tendrán la facultad de liberar a la gente.

La célula no es sólo un grupo de personas que se reúnen en la casa de alguien a la comunión y se preocupan por los demás. Es una fuerza que está trabajando en conjunto para liberar a la gente del infierno. Al decir que la célula es la iglesia, no significa que la comunidad de creyentes reunidos para la celebración no es la iglesia. El pequeño grupo es llamado para cuidar los unos a otros e ir y hacer discpulos. Jesús modeló esto para nosotros con su pequeño grupo.

El grupo de vida que se reúne en nuestra casa es parte de nuestros Oikos, nuestro hogar. Eran muy instrumental en ayudarme a compartir a Cristo con los miembros de mi familia, mi Oikos. Mi cuñado, y su hijo son creyentes hoy en da a causa de su apoyo y asistencia. Comenzó con oración por Jack y Andrew. Entonces Andrew vino y vivió con nosotros, trabajó en una de las casas de alguien en nuestro grupo, aceptado a Cristo a través de nuestro compartir y luego eso llevó a su papá a Cristo.

Estamos llamados a salir y juntos liberar a la gente. La célula es la iglesia cuando se está haciendo lo que hizo Jesús con sus discpulos. ¡Vamos a ser la iglesia y vayamos a romper algunas puertas!

Bill

Leave a Reply

Your email address will not be published.