God Loves Youth

coach_joseAbaroa Web

By Jose Abaroa, youth pastor at Cypress Creek Church, www.cypresscreekchurch.com

The concept of needs can be touchy. No one desires to be a needy person yet God created each of us with specific needs that are designed to be met! The need to be accepted and empowered are just two needs that are pivotal in the context of youth culture today:

“You are loved. You are beautiful. You are not weird. You are accepted.”

Those are all phrases we long to hear especially in the formative years of middle and high school.  Unfortunately, the eternal truth that we are accepted by our Father in heaven (Romans 15:7) is not heard very much in the fray of student life today.  Specifically, during 6-9th grade, every student’s inner struggle hinges upon the colossal need of acceptance. “Do I fit in here? Do I feel safe here? Do I belong?”  If students are not hearing it from their parents, friends, youth leaders, or pastors then not only will they not know how to accept others, but they will continue to search for acceptance elsewhere. The need to be welcomed by others runs so deep in 6th-9th grade students that they will change who God created them in order to better blend in to the culture around them. Jesus speaks specifically to this deep need in Matthew 18:5 “And whoever welcomes one such child in my name welcomes me”. Our unconditional acceptance of who each individual student is essential to the spiritual growth of today’s youth.

“Can you help me?  You can do this! You are doing this! Great job!  I am proud of you!”

This second set of phrases expresses the dire need of empowerment in our youth culture, specifically in high school and college students.  Too often students are seen as “too young”, “irresponsible,” “untrustworthy,” or “immature” to take on a task.  However more often than not, today’s students are screaming for someone to believe, trust and empower them.

Last May, our city of Wimberley, Texas was devastated by a flood that affected thousands of homes and totally destroyed hundreds.  Immediately the students responded in throngs.  These students sacrificed their summer plans to serve on a daily basis doing everything from serving meals to the thousands of volunteers that showed up to clearing debris and restoring the affected homes. It clearly illustrated that indeed students are ready to be empowered today. So let’s continue to accept and empower our students of today and the leaders/kingdom builders of tomorrow.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Deus ama os jovens

Por Jose Abaroa, pastor de jovens da Igreja de Cypress Creek, www.cypresscreekchurch.com

O conceito de necessidades pode ser delicado. Ninguém deseja ser uma pessoa necessitada, ainda que Deus tenha criado cada um de nós com necessidades especficas que são projetados para serem supridas! A necessidade de ser aceito e emponderado são as principais no contexto da cultura jovem de hoje:

“Você é amado. Você é bonito. Você não é esquisito. Você é aceito.”

Essas são frases que nós queremos ouvir, especialmente nos anos de formação do ensino fundamental e médio. Infelizmente, a verdade eterna de que nós somos aceitos pelo nosso Pai no Céu (Romanos 15:7) não é escutada na batalha da vida estudantil de hoje. Especificamente, durante o 6° e o 9°ano, luta interior de cada aluno se desdobra em cima da necessidade colossal de aceitação. “Eu me encaixo nisso? Eu me sinto seguro aqui? Eu pertenço? Se os estudantes não estão ouvindo isso de seus pais, amigos, lderes de jovens, ou pastores, então eles não só não saberão como aceitar os outros, mas eles irão continuar a procurar aceitação em outros lugares. A necessidade de serem acolhidos por outros é tão profunda em alunos do 6° ao 9° ano que eles irão mudar quem Deus os criou, a fim de se misturarem melhor na cultura em torno deles. Jesus fala especificamente a esta profunda necessidade em Mateus 18:5 (NVI): “Quem recebe uma destas crianças em meu nome, está me recebendo.” Nossa aceitação incondicional de cada aluno é essencial para o crescimento espiritual dos jovens de hoje.

“Você pode me ajudar? Você pode fazer isso! Você está fazendo isso! Ótimo trabalho! Estou orgulhoso de você!”

Esta segunda série de frases expressa a extrema necessidade de capacitação em nossa cultura jovem, especificamente em estudantes do ensino médio e universitários. Muitas vezes os alunos são vistos como “muito jovens”, “irresponsáveis”, “não confiáveis”, ou “imaturos” para assumir uma tarefa. No entanto, mais do que nunca, os estudantes de hoje estão gritando para que alguém acredite, confie neles e os capacite.

Em maio passado, a nossa cidade de Wimberley, no Texas, foi devastada por uma enchente que afetou milhares de casas e destruiu totalmente centenas delas. Imediatamente os alunos responderam em multidões. Esses alunos sacrificaram seus planos de verão para servir em uma base diária fazendo tudo, desde de servir refeições para os milhares de voluntários que apareceram para limpar os detritos, até  restaurar as casas afetadas. Isso ilustra claramente que na verdade os alunos estão prontos para serem capacitados hoje. Então, vamos continuar a aceitar e capacitar nossos alunos de hoje e os lderes/construtores do reino de amanhã.

Spanish blog: 

Dios ama la juventud

Por José Abaroa, Pastor de jóvenes en la iglesia Cypress Creek, www.cypresscreekchurch.com

El concepto de necesidades puede ser delicado. Nadie desea ser una persona necesitada, sin embargo, Dios creó a cada uno de nosotros con necesidades especficas las cuales están diseñadas para ser conocidas. La necesidad de ser aceptado y capacitados son sólo dos necesidades que son fundamentales en el contexto de la cultura juvenil de hoy da:

“Eres amado. Eres hermoso. Tu no es raro. Tu eres aceptado”

Esas son todas las frases que deseamos escuchar sobre todo en los años de la escuela secundaria y bachillerato. Desafortunadamente, la eterna verdad es que somos aceptados por nuestro Padre en el cielo (Romanos 15: 7) no se escucha mucho en la batalla de la vida estudiantil de hoy da. Especficamente, durante el grado 6-9, cada estudiante lucha interiormente y gira en torno a la necesidad colosal de aceptación. “¿Encajo aqu? ¿Me siento seguro aqu? ¿Pertenezco aqu? “Si los estudiantes no están escuchando de sus padres, amigos, lderes juveniles, o pastores, entonces no sólo no saben cómo aceptar a los demás, pero van a seguir buscando la aceptación en otros lugares. La necesidad de ser recibido por los demás es tan profunda en los estudiantes de 6º-9º grado que van a cambiar que Dios los creó, con el fin de encajar en una cultura que les rodea. Jesús habla especficamente esta profunda necesidad en Mateo 18: 5 ” Y cualquiera que reciba en mi nombre a un niño como este, a m me recibe”. Nuestra aceptación incondicional de que cada estudiante es esencial para el crecimiento espiritual de los jóvenes de hoy.

“¿Me puedes ayudar? ¡Tú puede hacer esto! ¡Tú estás haciendo esto! ¡Buen trabajo! ¡Estoy orgulloso de ti!”

Este segundo conjunto de frases expresa la extrema necesidad de potenciación en nuestra cultura juvenil, especficamente en el bachillerato y estudiantes universitarios. Con frecuencia, los estudiantes son vistos “demasiado joven”, “irresponsables”, “poco fiables”, o “inmaduros” para asumir una tarea. Sin embargo, más a menudo, los estudiantes de hoy están gritando que alguien les crea, les tenga confianza y sean capacitados.

En mayo pasado, nuestra ciudad de Wimberley, Texas fue devastada por una inundación que afectó a miles de hogares y cientos de casas fueron totalmente destruidas. De inmediato, los estudiantes respondieron en multitudes. Estos estudiantes sacrificaron sus planes de verano para servir a diario, desde el servicio de comidas a los miles de voluntarios que se presentaron para la limpieza de escombros y la restauración de las viviendas afectadas. Se pone claramente de manifiesto que, efectivamente, los estudiantes están listos para ser habilitado en la actualidad. As que vamos a seguir para aceptar y capacitando a nuestros estudiantes de hoy y los lderes/constructores del reino del mañana.

Leave a Reply

Your email address will not be published.