Change Ripples

coaches_steveCordleCropped

by Steve Cordle, www.crossroadsumc.org

Drop a pebble into a lake and you will see concentric circles ripple out from the place the pebble entered the water. One small ring will be circled by another larger ring, and so on, until the ripples fade away.

The image of those concentric circles is a good illustration of transitioning a traditional church to a cell-based church.

First, the senior pastor becomes gripped by the vision of cell-based ministry. Then the senior leader starts to share that vision with his/her inner circle of staff (or volunteer leaders). Once they begin to embrace and practice cell ministry, then they start to share it with others. And so the change is diffused throughout the whole church, eventually.

It is important not to skip over a circle. The senior pastor might be anxious to start training the congregation. But if he/she just assumes the staff will follow and doesn’t take the time to teach and model for them, the transition will not have a strong enough foundation take hold. You don’t have to get every Board member involved in the first proto-type group (that rarely works), but they should not be surprised that there is one starting. Give people information and an invitation, so they don’t feel excluded, even if they do not choose to participate right away.

Start small, and let it ripple.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Ondulações de Mudança

Por Steve Cordle, www.crossroadsumc.org

Deixe cair uma pedra em um lago e você verá crculos concêntricos ondulando a partir do local que a pedra entrou na água. Um pequeno anel será circundado por outro anel maior e assim por diante, até que as ondulações desapareçam.

A imagem desses crculos concêntricos é uma boa ilustração da transição de uma igreja tradicional para uma igreja em células.

Primeiro, o pastor principal é conquistado pela visão do ministério baseado em células. Então, o lder principal começa a compartilhar essa visão com seu crculo interno de pessoal (ou lderes voluntários). Uma vez que eles começam a abraçar e a praticar o ministério celular, eles começam a compartilhá-lo com os outros. Assim, a mudança é eventualmente difundida por toda a igreja.

É importante não pular nenhum crculo. O pastor principal pode ficar ansioso para começar logo a treinar a congregação. Mas se ele(a) simplesmente assume que a equipe vai segu-lo(a) e não tira um tempo para ensinar e ser um modelo para eles, a transição não terá uma fundação forte o suficiente. Você não precisa envolver todos os membros da liderança no primeiro grupo protótipo (isso raramente funciona), mas eles não devem ficar surpresos de que há um grupo começando. Dê às pessoas informação e um convite para que elas não se sintam excludas, mesmo que elas não escolham participar de imediato.

Comece pequeno, e deixe ondular.

Spanish blog:

Cambio de las ondulaciones

Por Steve Cordle, www.crossroadsumc.org

Deje caer una piedra en un lago y verá los crculos concéntricos de ondulación hacia fuera desde el lugar en que la piedra entró al agua. Un pequeño anillo le circulará con otro anillo más grande, y as sucesivamente, hasta que las ondas se desvanecen.

La imagen de esos crculos concéntricos es un buen ejemplo de la transición de una iglesia tradicional a una iglesia basada en células.

En primer lugar, el pastor se convierte en presa de la visión del ministerio basado en células. Luego, el lder de alto rango empieza a compartir esa visión con su crculo interno de personal (o lderes voluntarios). Una vez que empiezan a abrazar y practicar el ministerio celular, entonces empiezan a compartirlo con los demás. Y el cambio se difunde a lo largo de toda la iglesia, con el tiempo.

Es importante no para saltar sobre un crculo. El pastor principal podra estar ansioso por comenzar a entrenar a la congregación. Pero si él/ella sólo asume que el personal va a seguir y no toma el tiempo para enseñar y modelar para ellos, la transición no tendrá un fundamento suficientemente fuerte. Usted no tiene que envolver a todos los miembros de la Junta a participan en el primer grupo prototipo (rara vez funciona), pero no debera sorprenderse de que hay una un comienzo. De a la gente información y una invitación, para que no se sientan excluidos, incluso si no eligen a participar de forma inmediata.

Empieza poco a poco, y deja que hayan ondas.

Leave a Reply

Your email address will not be published.