Take The Counsel Seriously

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Pastor Bill Mellinger, Crestline First Baptist;  www.crestlinefbc.com

When we started the transition of our sixty-five-year-old church, Joel Comiskey asked me how fast I wanted to proceed. I told him, “I am a fast tracker. I am a church planter; an innovator and I enjoy change. Let’s go on the fast track.” This is my personality style, but it may not be yours—or the personality of the people of your church.

Robert Clinton said something like, “Change takes longer than you think even when you think it will take longer.” Most of us wanting to transition our churches to a more outreached focus that builds community and disciples are ready to make the change today. Clinton’s wisdom is one that we must take to heart. If not, we will press forward with another program that will soon lose steam or it will experience unnecessary opposition and lose people who do not need to leave.

This morning, I was reading about King Jehoshaphat in 2 Chronicles 17. It struck me that Jehoshaphat was courageous and in the third year of his reign he sent out teachers across Judah to teach the Book of the Law. Then he set up military leaders to organize the soldiers. I wonder, did he wait three years or was that how long it took him to get things organized for spiritual development?

Most of us want to move much faster than healthy transition requires. Of course, if a person or a church is dying, we need to take drastic action. If spiritual forces are attacking, we need to get ready for battle. However, we need to be wise and discerning. Clinton is right. “Change takes longer than you think even when you think it will take longer.” Most of us will hear this and not heed it. Please take this counsel seriously.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Leve o Conselho a Sério

Bill Mellinger

Quando começamos a transição da nossa igreja de sessenta e cinco anos de idade, Joel Comiskey me perguntou o quão rápido eu queria prosseguir. Eu disse a ele: “Eu sou um trilhador rápido. Eu sou um plantador de igrejas, um inovador, e eu gosto de mudanças. Vamos no caminho rápido”. Este é o estilo da minha personalidade, mas pode não ser o seu ou a personalidade do povo da sua igreja.

Robert Clinton disse algo como, “a mudança leva mais tempo do que você pensa, mesmo quando você pensa que vai demorar mais tempo”. A maioria de nós que quer fazer a transição de nossas igrejas para um foco mais amplo que edifica a comunidade e os discpulos, está pronta para fazer a mudança hoje. A sabedoria de Clinton é algo que nós devemos levar a sério. Se não, vamos prosseguir com outro programa que vai logo perder a força ou que vai experimentar uma oposição desnecessária e perder pessoas que não precisam sair.

Esta manhã eu estava lendo sobre o rei Josafá em 2 Crônicas 17. Pareceu-me que Josafá era corajoso e, no terceiro ano de seu reinado, ele enviou professores por toda Judá para ensinar o Livro da Lei. Depois, ele estabeleceu lderes militares para organizarem os soldados. Eu me pergunto, ele esperou três anos ou esse foi o tempo que ele levou para organizar as coisas para o desenvolvimento espiritual?

A maioria de nós deseja seguir muito mais rápido do que a transição saudável exige. É claro que se uma pessoa ou uma igreja está morrendo, nós precisamos tomar medidas drásticas. Se as forças espirituais estão atacando, precisamos nos preparar para a batalha. No entanto, precisamos ser sábios e discernir. Clinton está certo. “A mudança leva mais tempo do que você pensa, mesmo quando você pensa que vai demorar mais tempo”. A maioria de nós vai ouvir isso e não vai dar atenção. Por favor, leve este conselho a sério.

Spanish blog:

Toma la consejera enserio

Por Bill Mellinger

Cuando empezamos la transición en nuestra de sesenta y cinco años de edad, Joel Comiskey me preguntó qué tan rápido quera proceder. Le dije, “Soy un seguidor rápido. Soy un plantador de iglesias; un innovador y me gusta el cambio. Vamos hacerlo por la va rápida”. Esta es mi estilo de personalidad, pero puede que no sea el suyo o la personalidad de la gente de su iglesia.

Robert Clinton dijo algo as: “El cambio toma más tiempo de lo que piensas, incluso cuando usted piensa que va a tomar mucho tiempo”. La mayora de nosotros que quiere hacer la transición a nuestras iglesias a un enfoque de alcance que construye la comunidad y los discpulos están listos para hacer el cambio hoy en da. La sabidura de Clinton es una que hay que tomar de corazón. Si no, vamos a seguir adelante con otro programa que pronto va a perder fuerza o que experimentará la oposición innecesaria y perder gente que no necesitamos perder.

Esta mañana, estaba leyendo sobre el rey Josafat en 2 Crónicas 17. Me golpeo que Josafat era valiente y en el tercer año de su reinado envió a los maestros a través de Judá para enseñar el libro de la ley. Luego se estableció lderes militares para organizar soldados. Me pregunto, ¿Esperó tres años o ese fue el tiempo que le tomo organizar las cosas para el desarrollo espiritual?

La mayora de nosotros queremos movernos mucho más rápido que la transición saludable requiere. Por supuesto, si una persona o una iglesia está muriendo, tenemos que tomar medidas drásticas. Si las fuerzas espirituales están atacando, tenemos que estar listos para la batalla. Sin embargo, tenemos que ser prudentes y discernir. Clinton está en lo correcto. ” El cambio toma más tiempo de lo que piensas, incluso cuando usted piensa que va a tomar mucho tiempo”. La mayora de nosotros vamos a escuchar esto y no le prestaremos atención. Por favor, toma este consejo en serio.

Leave a Reply

Your email address will not be published.