If We Are The Body

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Pastor Bill Mellinger, Crestline First Baptist;  www.crestlinefbc.com

In 2003, Casting Crowns popularized the song “If We Are the Body.” The song says, “(But) if we are the body, why aren’t His arms reaching? Why aren’t His hands healing? Why aren’t His words teaching? And if we are the body, why aren’t His feet going? Why is His love not showing them there is a way? Author and performer Mark Hall challenges the Church to be the living Body of Christ.

Jesus taught that the greatest commandment is to love God and to love one another (Mark 12:29-31). Paul adds that the entire law is summarized by “Love your neighbor as yourself” (Galatians 5:14). This is where the cell church shines. In a cell, we are the Body of Christ. Cell church is built on the principles of the “one anothers.” We build up one another, serve one another, carry one another’s burdens, exhort one another, confess our faults one to another, pray for one another, weep with one another, and rejoice with one another.

One of the key differences between traditional study groups and cells is the commitment to apply the Word by ministering to one another and the community through our groups. How many times have we taken significant time to pray through a need or concern of one or our members? We don’t build up one another by giving cheap advice. We take one another’s burdens to the Lord and allow the Lord to speak to us and through us.

“If we are the body,” why aren’t we building the kind of relationships that will cause people to daily experience the love of Jesus Christ? In our cells, we have the opportunity to care for one another, even the unchurched, so that people experience the love of God and His Body in tangible ways.

Our cell has started a ministry to the poor in our community because we want to be God’s hands and arms in this community. We pray over people knowing that Jesus is touching people through us. We listen to God, seek His counsel and allow God to speak through us. We are the Body of Christ.

A couple of years ago a man in our group was diagnosed with terminal cancer. We began holding our group at his home. Some meetings were held in his bedroom around his bed. Our group was there to support his wife and to carry her through the time since he went to be with the Lord. We love them both and cried as well as celebrated his life. We continue to support her as she walks the journey as a widow. We also assist her in extending God’s love to many of his friends so that some day they too will join Jeff in Heaven. Together, we are being the Body of Christ.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Nós Somos o Corpo

Bill Mellinger, www.crestlinefbc.com

Em 2002, a banda Casting Crowns tornou popular a música “Se Nós Somos o Corpo”. A música diz: “Mas se somos o corpo por quê Seus braços não estão alcançando? Por quê Suas mãos não estão curando? Por quê Suas palavras não estão ensinando? E se somos o corpo por quê Seus pés não estão indo? Por quê Seu amor não está mostrando-lhes que há um caminho?”. O autor e cantor Mark Hall desafia a Igreja a ser o Corpo vivo de Cristo.

Jesus ensinou que o maior mandamento é amar a Deus e amar uns aos outros (Marcos 12:29-31). Paulo acrescenta que toda a Lei é resumida por “Ame o próximo como a si mesmo” (Gálatas 5:14). É a que a Igreja em Células brilha. Em uma célula, nós somos o Corpo de Cristo. A Igreja em Células é construda sobre os princpios do “uns aos outros”. Nós edificamos uns aos outros, servimos uns aos outros, carregamos os fardos uns dos outros, exortarmos uns aos outros, confessamos as nossas faltas uns aos outros, oramos uns pelos outros, chorar uns com os outros, e nos alegramos uns com os outros.

Uma das principais diferenças entre os grupos de estudos tradicionais e as células é o compromisso de aplicar a Palavra ministrando uns aos outros e à comunidade através de nossos grupos. Quantas vezes nós tiramos um tempo significativo para orar por uma necessidade ou preocupação dos nossos membros? Nós não edificamos uns aos outros dando conselhos baratos. Nós levamos os fardos uns dos outros ao Senhor e permitimos que o Senhor fale conosco e através de nós.

“Se nós somos o Corpo”, por que não estamos construindo o tipo de relacionamento que fará com que as pessoas experimentem diariamente o amor de Jesus Cristo? Em nossas células, nós temos a oportunidade de cuidar uns dos outros, mesmo dos não-cristãos, para que as pessoas experimentem o amor de Deus e Seu Corpo de maneiras tangveis.

Nossa célula iniciou um ministério para os pobres em nossa comunidade porque nós queremos ser as mãos e os braços de Deus nessa comunidade. Nós oramos sobre as pessoas sabendo que Jesus está tocando a vida delas através de nós. Nós ouvimos a Deus, buscamos o Seu conselho e deixamos que Deus fale através de nós. Nós somos o Corpo de Cristo.

Dois anos atrás um homem em nosso grupo foi diagnosticado com câncer terminal. Nós começamos a reunir o nosso grupo em sua casa. Algumas reuniões foram realizadas em seu quarto ao redor de sua cama. Nosso grupo estava lá para apoiar sua esposa e para carregá-la depois que ele foi para o Senhor. Nós amamos os dois e choramos, da mesma forma que celebramos a sua vida. Nós continuamos a apoiá-la enquanto ela continua sua jornada como uma viúva. Nós também a ajudamos a estender o amor de Deus a muitos de seus amigos para que algum dia eles também se juntem a Jeff no Céu. Juntos, nós estamos sendo o Corpo de Cristo.

Spanish blog:

Si somos el cuerpo

Bill Mellinger, www.crestlinefbc.com

En 2003, Casting Crowns popularizó la canción “Si somos el cuerpo”. La canción dice: “Pero si somos el cuerpo, ¿por qué no están alcanzando sus brazos? ¿Por qué no sanan sus manos? ¿Por qué no enseñan sus palabras? Y si somos el cuerpo, ¿por qué no se mueven sus pies? ¿Por qué su amor no les muestra que hay un camino? Autor e intérprete Mark Hall desafa a la Iglesia a ser el cuerpo vivo de Cristo.

Jesús enseñó que el mandamiento más grande es amar a Dios y amarse unos a otros (Marcos 12: 29-31). Pablo añade que toda ley se resume en “Ama a tu prójimo como a ti mismo” (Gálatas 5:14). Aqu es donde la iglesia celular brilla. En una célula, somos el Cuerpo de Cristo. La Iglesia Celular se construye sobre los principios del “uno al otro”. Nos edificamos unos a otros, nos servimos unos a otros, cargamos las cargas de los demás, exhortamos unos a otros, confesamos nuestros pecados unos a otros, oramos unos a otros, Y nos regocijamos los unos con otros.

Una de las principales diferencias entre los grupos de estudio tradicionales y las células es el compromiso de aplicar la Palabra al ministrar unos a otros a la comunidad a través de nuestros grupos. ¿Cuántas veces hemos tomado un tiempo significativo para orar a través de una necesidad o preocupación de uno o de nuestros miembros? No nos construimos unos a otros dando consejos baratos. Tomamos las cargas de los demás al Señor y permitimos que el Señor nos hable a nosotros a través de nosotros.

“Si somos el cuerpo”, ¿por qué no estamos construyendo el tipo de relaciones que harán que la gente experimente diariamente el amor de Jesucristo? En nuestras células, tenemos la oportunidad de cuidarnos unos a otros, incluso los no creados, para que las personas experimenten el amor de Dios y Su Cuerpo de maneras tangibles.

Nuestra célula ha comenzado un ministerio a los pobres en nuestra comunidad porque queremos ser las manos y los brazos de Dios en esta comunidad. Oramos sobre las personas sabiendo que Jesús está tocando a la gente a través de nosotros. Escuchamos a Dios, buscamos su consejo y permitimos que Dios hable a través de nosotros. Somos el Cuerpo de Cristo.

Hace un par de años un hombre de nuestro grupo fue diagnosticado con cáncer terminal. Comenzamos a reunir nuestro grupo en su casa. Algunas reuniones se celebraron en su dormitorio alrededor de su cama. Nuestro grupo estaba all para apoyar a su esposa y apoyarla en el tiempo hasta que fue a estar con el Señor. Amamos a los dos y lloramos, as como celebramos su vida. Seguimos apoyándola mientras camina por el camino como viuda. También la ayudamos a extender el amor de Dios a muchos de sus amigos para que algún da ellos también se unan a Jeff en el Cielo. Juntos, estamos siendo el Cuerpo de Cristo.

Leave a Reply

Your email address will not be published.