Leaders Are Free to Listen to The Lord

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Pastor Bill Mellinger, Crestline First Baptist;  www.crestlinefbc.com

When we formed our prototype groups a few years ago, we worked hard to maintain a similar structure and format to our meetings. It was important to develop a mindset for relational ministry that would last after the initial phases. Today, our groups maintain the general format of Welcome (icebreaker question), Worship (songs are prepared ahead), Word (application of the text from the Sunday sermon), and Witness/Work (connecting the Word to our unchurched friends and family). Although the general format is the same for each group, leaders have the freedom and responsibility to adjust their group experience to meet the needs of the their group.

As I wrote the paragraph above I thought of the many ways that group leaders adjust the components to meet the needs of their groups. A Ladies’ Group prepares songs for their group and even does studies that don’t follow the Sunday sermon. A Men’s Group does not sing but they worship with the Word and prayer. A Youth Group selects music that fits their culture and adjusts the study to apply to the lives of our youth. Application of the Word of God to life is paramount to every group. Each group utilizes the gifts of the spirit to minister to and with one another. Most important, every group is committed to reaching their Oikos with the love of Christ and to introduce them to people in their groups.

Group leaders who understand the principles of cell ministry need to be able to adjust the cell meeting to fit the needs of their group. The principles of cell ministry are what matter not the precise plan that I have written. I want our people to minister to one another, to apply the Word of God to their lives, and to build relationships with the unchurched in their Oikos. I want the groups to get to know the people that others in their group care about reaching for Christ. I want them to be free to meet needs even if that means veering from the prescribed plan and maybe even jettisoning it completely.

Last week one of the leaders of a Girls Youth Group talked about how she changed the whole plan to minister to some specific needs of people in her group. Inside I started to say whoa and then I thought about the incredible ministry time that they had and I quickly affirmed what she had done. God is in control, not me. I trust the leaders to listen to the needs of their group and to listen to the Lord.

Korean blog (Click here)

Portuguese blog:

Os Lderes São Livres Para Ouvirem o Senhor

Por Bill Mellinger, www.crestlinefbc.com

Quando formamos nossos grupos protótipos há alguns anos atrás, trabalhamos duro para manter uma estrutura e um formato semelhantes em nossas reuniões. Era importante desenvolver uma mentalidade para um ministério relacional que duraria após as fases iniciais. Hoje, nossos grupos mantêm o formato geral de Boas-vindas (pergunta quebra-gelo), Adoração (louvores preparados antecipadamente), Palavra (aplicação do texto do sermão dominical) e Testemunhos/Obra (conectando a Palavra aos nossos amigos e famlia não convertidos). Embora o formato geral seja o mesmo para cada grupo, os lderes têm a liberdade e a responsabilidade de ajustar sua experiência de grupo para atender às necessidades de seu grupo.

Conforme eu escrevia o parágrafo acima, eu pensei sobre as muitas maneiras que os lderes de célula ajustam os componentes para satisfazer as necessidades de seus grupos. Um grupo de mulheres prepara canções para seu grupo e até faz estudos que não seguem o sermão do domingo. Um grupo de homens não canta, mas eles adoram com a palavra e a oração. Um grupo de jovens seleciona músicas que se encaixam em sua cultura e ajusta o estudo para se aplicar às suas vidas. A aplicação da Palavra de Deus à vida é primordial para cada grupo. Cada grupo utiliza os dons do esprito para ministrar uns aos outros. Mais importante ainda, eles estão empenhados em alcançar os crculos relacionais (Oikos) de cada membro com o amor de Cristo e apresentá-los às pessoas do grupo.

Os lderes de célula que entendem os princpios do ministério celular precisam ser capazes de ajustar a reunião celular para atender às necessidades de seu grupo. Os princpios do ministério celular são o que não importa, e não o plano preciso que eu escrevi. Quero que nosso povo sirva uns aos outros, aplique a Palavra de Deus em suas vidas e construa relacionamentos com os não convertidos em seus Oikos. Eu quero que os grupos conheçam as pessoas com as quais os membros se preocupam para que elas alcancem a Cristo. Eu quero que eles sejam livres para atender às necessidades, mesmo que isso signifique se afastar do plano prescrito e talvez até mesmo descartá-lo completamente.

Na semana passada, uma das lderes de um Grupo de Moças Jovens falou sobre como ela mudou todo o plano para ministrar a algumas necessidades especficas das pessoas de seu grupo. Dentro de mim comecei a dizer “uau” e então eu pensei sobre o tempo de ministério incrvel que elas tiveram e eu rapidamente dei respaldo ao que ela tinha feito. Deus está no controle, não eu. Confio nos lderes para escutarem as necessidades de seu grupo e para ouvirem o Senhor.

Spanish blog:

Los lderes son libres de escuchar al Señor

Por Bill Mellinger, www.crestlinefbc.com

Cuando formamos nuestros grupos de prototipos hace unos años atrás, trabajamos duro para mantener una estructura y formato similar a nuestras reuniones. Era importante desarrollar una mentalidad para el ministerio relacional que durara después de las fases iniciales. Hoy en da, nuestros grupos mantienen el formato general de Bienvenida (pregunta del rompehielos), Adoración (canciones preparadas por adelantado), Palabra (aplicación del texto de la predicación dominical) y Testimonios/ Trabajo (conectando la Palabra a nuestros amigos y familia sin iglesia). Aunque el formato general es el mismo para cada grupo, los lderes tienen la libertad y la responsabilidad de ajustar su experiencia grupal para satisfacer las necesidades de su grupo.

Al escribir el párrafo anterior, pensé en las muchas maneras en que los lderes de grupo ajustan los componentes para satisfacer las necesidades de sus grupos. Un Grupo de Damas prepara canciones para su grupo e incluso hace estudios que no siguen la predicación dominical. Un grupo de hombres no canta, sino que adoran con la Palabra y la oración. Un grupo de jóvenes selecciona música que se adapta a su cultura y ajusta el estudio para aplicarlo a las vidas de nuestros jóvenes. La aplicación de la Palabra de Dios a la vida es primordial para cada grupo. Cada grupo utiliza los dones del espritu para ministrar entre s. Lo más importante es que cada grupo está comprometido a alcanzar a sus Oikos con el amor de Cristo y a presentarlos a las personas de sus grupos.

Los lderes de grupo que entienden los principios del ministerio celular deben ser capaces de ajustar la reunión celular para adaptarse a las necesidades de su grupo. Los principios del ministerio celular son lo que no importa el plan exacto que he escrito. Quiero que nuestro pueblo se ministre unos a otros, que aplique la Palabra de Dios en sus vidas y que establezca relaciones con los inconversos en su Oikos. Quiero que los grupos conozcan a la gente ya que otros en su grupo se preocupan de alcanzar a Cristo. Quiero que sean libres para satisfacer las necesidades, incluso si eso significa cambiar el plan prescrito y tal vez incluso deshacerse de él por completo.

La semana pasada, uno de los lderes de un grupo juvenil de chicas habló sobre cómo cambió todo el plan para ministrar a algunas necesidades especficas de las personas de su grupo. En el interior empecé a decir wow y luego pensé en el tiempo de ministerio increble que tenan y rápidamente afirmó lo que haba hecho. Dios está en control, no yo. Confo en que los lderes escuchen las necesidades de su grupo y escuchen al Señor.

Bill

Leave a Reply

Your email address will not be published.