Networking in the Cell-Based Church, part 2

Les and Twyla Brickman, part of the Cell Church movement for over thirty years, Dr. Les & Twyla Brickman, have ministered in Nairobi, Kenya since 2008. They share their own accumulated experiences with you through their cell resources available at www.strategiccell.com

The first confirmation we were not alone in our search for dynamic home groups was meeting Dion Robert in the mid 1980s. Dion was a personal friend of our pastor, James Lassiter. Through personal conversations and stories, we caught glimpses of a move in Africa that sounded like the kind of church for which we hungered. While more encouraged, we still lacked knowledge and tools. How do we do this where we are? Was it reproducible? We had our neighbor’s high school daughter translate Dion’s work from French into English. It was revelatory!

Another glimmer of light came at a conference we attended. Les discovered Ralph Neighbour’s The Shepherd’s Guidebook. We had first heard Ralph in the mid 70’s. While inspiring, the book did not fully answer the question, “How could we make “cells” work in America?” More waiting and experimentation ensued. Finally – Eureka! Les got a copy of Where Do We Go From Here?, also by Dr. Ralph Neighbour, Jr. The BIG picture Ralph cast, the history he gave, the arguments he made, the principles and how-to all came together as the final catalyst. Little did we know that a few years later, we would both be working for Ralph!

We got down to serious building, like an engineer with architectural blueprints finally in hand. However, no longer was it a lonely journey. We were part of a worldwide Cell Church movement. We could learn from others who had gone before us! We felt connected! Why reinvent the wheel, when you can learn from others? Visiting Lawrence Khong’s cell church in Singapore not only allowed us to see a working model far more developed than we were, but also led to a friendship with Randall Neighbour, Joey Beckham, and Bill Beckham. It was through a personal conversation over lunch that Bill encouraged Twyla to start writing down what we had learned in our own church. The result in 1993 was Boot Camp, now called Exploring Community Life. Many other resources would follow, but not without the stimulus of others on the same safari, as we call it here in Kenya. More insights would follow through personal associations with Lorna and Brian Jenkins, Jim Egli, Larry Kreider, Dove Christian Fellowship International, Jimmy Seibert, Joel Comsikey, Peter Bunton, Steve and Mary Prokopchak, Daphne Kirk, Scott Boren, and a host of others.

So, wherever you are on your journey in cell life, know you are not alone. You may be a more seasoned explorer. There are many who have pioneered before you who can continue to challenge you. You may be just starting off on the journey, or somewhere in between. Today, you have the benefit of decades of writing, discovery, and wisdom. You can’t imagine how blessed you truly are! So, go ahead, stand on the shoulders of those who have gone before, and stretch toward your vision. Learn from their mistakes and receive their wisdom. Your vision will continue to clarify, and you will more quickly experience that which God has prepared for you.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Criando Redes na Igreja Baseada em Células, parte 2

Les e Twyla Brickman, parte do movimento da Igreja em Células por mais de 30 anos. Dr. Les & Twyla Brickman ministram em Nairóbi, Quênia desde 2008. Eles compartilham suas próprias experiências acumuladas com vocês através de seus recursos sobre células, disponveis em www.strategiccell.com

A primeira confirmação de que não estávamos sozinhos na nossa busca por grupos domésticos dinâmicos foi conhecer Dion Robert em meados da década de 1980. Dion era um amigo pessoal de nosso pastor, James Lassiter. Através de conversas e histórias pessoais, percebemos vislumbres de um movimento na África que soou como o tipo de igreja que desejávamos. Embora estivéssemos mais encorajados, ainda faltava conhecimento e ferramentas. Como fazemos isso onde estamos? Era possvel reproduzir? Pedimos para a filha da nossa vizinha que estava no ensino médio traduzir o trabalho de Dion do francês para o inglês. Foi revelador!

Outro deslumbre de luz ocorreu em uma conferência da qual participamos. Les descobriu o The Shepherd’s Guidebook (O Guia do Pastor, em tradução livre) de Ralph Neighbor. Primeiro ouvimos Ralph em meados dos anos 70. Embora fosse inspirador, o livro não respondeu completamente a pergunta: “Como podemos fazer ‘células’ funcionarem na América?”. Tivemos mais tempo de espera e experimentos. Finalmente – Eureka! Les obteve uma cópia de Where Do We Go From Here? (Para Onde Vamos Depois Daqui?, em tradução livre), também do Dr. Ralph Neighbour Jr. O grande retrato de Ralph, a história que ele deu, seus argumentos, os princpios e a forma como todos se uniram como o catalisador final. Mal sabamos que alguns anos depois, nós dois estaramos trabalhando para Ralph!

Chegamos a uma construção séria, como um engenheiro com planos arquitetônicos finalmente em mãos. No entanto, já não era uma jornada solitária. Fomos parte de um movimento mundial da Igreja em Células. Pudemos aprender com outros que nos precederam! Nós nos sentimos conectados! Por que reinventar a roda, quando você pode aprender com os outros? Visitar a igreja celular de Lawrence Khong em Cingapura não só nos permitiu ver um modelo de trabalho muito mais desenvolvido do que o nosso, mas também nos levou a uma amizade com Randall Neighbour, Joey Beckham e Bill Beckham. Foi através de uma conversa pessoal durante o almoço que Bill incentivou Twyla a começar a escrever o que aprendemos em nossa própria igreja. O resultado em 1993 foi o Boot Camp (Campo de Treinamento, em tradução livre), agora chamado de Exploring Community Life (Explorando a Vida em Comunidade, em tradução livre). Muitos outros recursos viriam depois, mas não sem o estmulo de outros que estavam no mesmo safari, como dizemos aqui no Quênia. Mais insights viriam através de associações pessoais com Lorna e Brian Jenkins, Jim Egli, Larry Kreider, Dove Christian Fellowship International, Jimmy Seibert, Joel Comiskey, Peter Bunton, Steve e Mary Prokopchak, Daphne Kirk, Scott Boren e vários outros.

Então, onde quer que você esteja em sua jornada na vida celular, saiba que você não está sozinho. Você pode ser um explorador mais experiente. Há muitos que foram pioneiros antes de você que podem continuar a desafiá-lo. Você pode estar apenas começando a jornada, ou em algum lugar intermediário. Hoje, você tem o benefcio de décadas de escrita, descoberta e sabedoria. Você não pode imaginar o quanto é abençoado! Então, vá em frente, fique de pé sobre os ombros daqueles que foram antes e estique a sua visão. Aprenda com os erros deles e receba sua sabedoria. Sua visão continuará esclarecendo, e você experimentará mais rapidamente o que Deus preparou para você.

Spanish blog:

Formando Relaciones en la Iglesia Celular, parte 2

Les y Twyla Brickman, han formado parte del movimiento de la Iglesia Celular durante más de treinta años; el Dr. Les & Twyla Brickman, han ministrado en Nairobi, Kenia desde 2008. Comparten sus propias experiencias con los demás través de sus recursos celulares disponibles en www.strategiccell.com

La primera confirmación de que no estábamos solos en nuestra búsqueda de células familiares dinámicas, fue encontrarnos con Dion Robert a mediados de los años ochenta. Dion era un amigo personal de nuestro pastor, James Lassiter. A través de conversaciones e historias personales, pudimos vislumbrar un movimiento en África que sonaba como el tipo de iglesia que nosotros anhelábamos. Aunque más animados, todava nos faltaban conocimientos y herramientas. ¿Cómo hacemos esto dónde estamos? ¿Era reproducible? Le pedimos a nuestro vecino que su hija, que iba a la escuela secundaria, tradujera la obra de Dion de francés a inglés. Esto fue revelador!

Otro destello de luz llego en una conferencia a la que asistimos. Les descubrió la Gua del Pastor de Ralph Neighbor’s. Habamos escuchado acerca de Ralph por primera vez a mediados de los 70’s. Aunque inspirador, el libro no respondió a la pregunta: “¿Cómo podramos hacer que las” células “funcionen en Estados Unidos? “ Esperamos y experimentamos más y finalmente – Eureka! Les consiguió una copia de ¿Dónde vamos desde aqu?, también escrito por el Dr. Ralph Neighbour, Jr. El GRAN retrato que Ralph lanzó, la historia que dio, los argumentos que él hizo, los principios y cómo todo se unió, como un catalizador final. ¡No nos imaginábamos que unos años más tarde, ambos estaramos trabajando para Ralph!

Finalmente logramos tener una importante estructura, como un ingeniero con planos arquitectónicos en la mano. Sin embargo, ya no era un viaje solo. Éramos parte de un movimiento mundial de la Iglesia Celular. Podiamos aprender de otros que haban tomado camino antes que nosotros! Nos sentiamos conectados! ¿Por qué reinventar la rueda, cuando se puede aprender de los demás? Visitar la iglesia celular de Lawrence Khong en Singapur no sólo nos permitió ver un modelo de trabajo mucho más desarrollado que nosotros, sino que también nos llevó a una amistad con Randall Neighbor, Joey Beckham y Bill Beckham. Fue a través de una conversación personal durante un almuerzo que Bill animó a Twyla a comenzar a escribir lo que habamos aprendido en nuestra propia iglesia. El resultado, en 1993 fue Boot Camp, ahora llamado Exploring Community Life. Muchos otros recursos surgiran, pero no sin el estmulo de otros en el mismo safari, como lo llamamos aqu en Kenia. Más ideas surgirán a través de asociaciones personales con Lorna y Brian Jenkins, Jim Egli, Larry Kreider, Dove Christian Fellowship International, Jimmy Seibert, Joel Comsikey, Peter Bunton, Steve y Mary Prokopchak, Daphne Kirk y Scott Boren y muchos más.

Por lo tanto, donde quiera que estes en tu viaje en la vida celular, sabes que no estás solo. Puedes ser un explorador más experimentado. Hay muchos que han sido pioneros antes que tu, y pueden seguir desafiándote. Podras estar apenas comenzando o en la mitad de tu viaje. Hoy en da, tienes el beneficio de décadas de escritos, descubrimientos y sabidura. No puedes imaginar lo bienaventurado que realmente eres! As que, adelante, ponte sobre los hombros de aquellos que han viajado antes y extiéndete hacia tu visión. Aprende de sus errores y recibe su sabidura. Tu visión continuará aclarándose, y  experimentarás más rápidamente lo que Dios ha preparado para ti.

Leave a Reply

Your email address will not be published.