A Strange Way to Grow

By Steve Cordle, www.crossroadsumc.org 

When we become part of a cell group we can get to know other people quite well. That can be fun and fulfilling. Community is also instrumental to growing spiritually, but not always in the way we expect.

Yes, we will study the Bible and pray in our group. We will learn from the example of others and reach out together in Jesus’ mission. But there is another way will grow: through conflict.

When we get close to others, we may step on each other’s toes. We might be hurt by something someone says or does. Then comes the growth moment. We have several options:

  1. a) quit the group
  2. b) complain to other people
  3. c) silently seethe
  4. d) do what Jesus taught.

In Matthew 18, Jesus told us that when a brother or sister sins against us, we are to go directly to the person and try to resolve the hurt. We are to talk to the person, not talk about the person. This sounds simple, but it is not often practiced. When we do work out the issue, we will have grown in our patience, forbearance, ability to forgive, blessing those who hurt us and other traits. In other words, we will become more like Christ.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Uma Forma Estranha de Crescer

Por Steve Cordle, www.crossroadsumc.org

Quando nos tornamos parte de uma célula, podemos conhecer outras pessoas muito bem. Isso pode ser divertido e realizador. A comunidade é também um instrumento para crescermos espiritualmente, mas nem sempre da forma que esperamos.

Sim, nós ainda estudamos a Bíblia e oramos em nosso grupo. Vamos aprender com o exemplo de outras pessoas e caminhar juntos em direção à missão de Jesus. Mas existe outra forma de crescimento: através do conflito.

Quando nos aproximamos de outras pessoas, podemos pisar nos calos uns dos outros. Podemos nos machucar por algo que alguém diz ou faz. E aí vem o momento de crescimento. Temos várias opções:

1. Abandonar o grupo;
2. Reclamar para outras pessoas;
3. “Ferver” silenciosamente;
4. Fazer o que Jesus ensinou.

Em Mateus 18, Jesus nos disse que quando um irmão ou irmã peca contra nós, devemos ir diretamente à pessoa e tentar resolver o problema. Nós devemos falar com a pessoa, e não sobre a pessoa. Isso soa como algo simples, mas não é praticado com frequência. Quando de fato resolvemos o problema, crescemos em paciência, tolerância, habilidade de perdoar, em abençoar aqueles que nos magoam, entre outros aspectos. Em outras palavras, nos tornaremos mais como Cristo.

Spanish blog:

Una extraña forma de crecer

Por Steve Cordle, www.crossroadsumc.org

Cuando nos convertimos en parte de un grupo celular, podemos conocer a otras personas bastante bien. Eso puede ser divertido y satisfactorio. La comunidad también es fundamental para crecer espiritualmente, pero no siempre de la manera que esperamos.

Sí, estudiaremos la Biblia y oraremos en nuestro grupo. Aprenderemos del ejemplo de otros y nos uniremos juntos en la misión de Jesús. Pero hay otra manera de crecer: a través del conflicto.

Cuando nos acercamos a los demás, podemos pisar los dedos del otro. Podríamos sentirnos heridos por algo que alguien dice o hace. Luego viene el momento de crecimiento. Tenemos varias opciones:

  1. a) Salir del grupo
  2. b) Quejarse con otras personas
  3. c) Guardar silencio
  4. d) Hacer lo que Jesús enseñó.

En Mateo 18, Jesús nos dijo que cuando un hermano o hermana peca contra nosotros, debemos ir directamente a la persona y tratar de resolver el conflicto. Debemos hablar con la persona, no hablar de la persona. Esto suena simple, pero no se practica a menudo. Cuando resolvamos el problema, habremos crecido en nuestra paciencia, tolerancia, capacidad de perdonar, bendiciendo a quienes nos lastiman. En otras palabras, nos volveremos más como Cristo.

Leave a Reply

Your email address will not be published.