Characteristics of Effective Church Plants, part 1

By Joel Comiskey, check out, Groups that Thrive

God loves new churches and rejoices when teams venture out to plant churches. Some church planters thrive in a pioneer church planting atmosphere while others find it unsettling. What makes the difference? What  characteristics do church planters need to effectively plant churches? In my next two blogs, I’ll talk about essential priorities of effective church planters.

Prayer Shield

The first priority is to find a group of people committed to pray for the church planter. One of the most important books I’ve ever read is C. Peter Wagner’s Prayer Shield.  Wagner shows why intercessory prayer for Christian leaders is needed, as well as how to ask for it. While gathering my own prayer shield, I bought seventy-five copies of this book and handed it out to people who I recruited as prayer warriors. It was well-worth the money spent. Anyone planting a church will benefit from reading this book. Each team member needs to develop a prayer shield and form part of someone else’s prayer shield. The apostle Paul was a prayer recruiter. Paul wrote to the Colossian church, And pray for us, too, that God may open a door for our message, so that we may proclaim the mystery of Christ, for which I am in chains. Pray that I may proclaim it clearly, as I should” (Colossians 4:3-4). 

Calling

When a person is called by God, he or she will persist until the task is accomplished. A lack of a true calling by God is why many church planters give up. In my first church plant in an inner city setting, my seminary education had little bearing on my experiences. I remember pleading with Janie (not her real name) to use her welfare checks to buy food for her children rather than drugs for herself. I felt inadequate when I tried to plant a church among people like Janie. Even though I was often felt tossed like the waves of the sea, I could always fall back on the fact that God had called me to plant the church. The Bible was my guidebook. The Spirit kept me going.  Paul the apostle did not stray from his heavenly calling to plant churches. His vision to plant churches came about as a result of prayer, fasting, and reading the word. He constantly sought to know where that calling was leading him and in what direction it was taking him.

Agreement between Husband and Wife

Marriage is not a requirement for church planter (e.g., Paul the apostle), but those who are married, must be in agreement. I’ve witnessed several failed church plants when a spouse began to doubt the church planting calling. Jesus told us to count the cost before making a decision to follow Him. Counting the “church planting cost” means that both husband and wife are in one hundred percent agreement before starting the church. Church planting probably will be more demanding and rigorous than ever imagined. Be prepared.

In the next blog, we’ll look at other essential characteristics like fruitfulness, vision, development, and persistence.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Características de Plantas de Igrejas Eficazes, parte 1

Deus ama novas igrejas e se alegra quando equipes se aventuram a plantar igrejas. Alguns plantadores de igrejas prosperam em uma atmosfera pioneira de plantação de igrejas, enquanto outros acham isso perturbador. O que faz a diferença? Quais são as características que os plantadores de igrejas precisam para efetivamente plantar igrejas? Nos meus próximos dois blogs, falarei sobre prioridades essenciais dos plantadores de igrejas eficazes.

Escudo de Oração

A primeira prioridade é encontrar um grupo de pessoas comprometidas a orar pelo plantador de igrejas. Um dos livros mais importantes que já li é o Prayer Shield (“Escudo de Oração”) de C. Peter Wagner. Wagner mostra o porquê de a oração de intercessão pelos líderes cristãos ser necessária, e também como pedir por ela. Enquanto reunia meu próprio escudo de oração, comprei setenta e cinco exemplares deste livro e o entreguei a pessoas que recrutei como guerreiros de oração. Valeu a pena o dinheiro gasto. Qualquer um que esteja plantando uma igreja se beneficiará da leitura deste livro. Cada membro da equipe precisa desenvolver um escudo de oração e fazer parte do escudo de oração de outra pessoa. O apóstolo Paulo foi um recrutador de oração. Paulo escreveu para a Igreja Colossense: “Ao mesmo tempo, orem também por nós, para que Deus abra uma porta para a nossa mensagem, a fim de que possamos proclamar o mistério de Cristo, pelo qual estou preso. Orem para que eu possa manifestá-lo abertamente, como me cumpre fazê-lo” (Colossenses 4:3-4).

Chamado

Quando uma pessoa é chamada por Deus, ela persistirá até que a tarefa seja cumprida. A falta de um verdadeiro chamado de Deus é o motivo de muitos plantadores de igrejas desistem. Em minha primeira igreja em um ambiente urbano, minha educação no seminário teve pouca influência em minhas experiências. Lembro-me de pedir a Janie (esse não é seu nome verdadeiro) que usasse seus cheques de “bem-estar” para comprar comida para seus filhos, em vez de drogas para si mesma. Eu me senti inadequada quando tentei plantar uma igreja entre pessoas como Janie. Mesmo que muitas vezes eu me sentisse jogados como as ondas do mar, eu sempre podia recorrer ao fato de que Deus me chamara para plantar a igreja. A Bíblia foi meu guia. O Espírito me manteve no caminho. Paulo, o apóstolo, não se desviou de seu chamado celestial para plantar igrejas. Sua visão de plantar igrejas surgiu como resultado da oração, do jejum e da leitura da palavra. Ele procurava saber constantemente onde esse chamado o estava guiando e em que direção o estava levando.

Concordância entre Marido e Mulher

O casamento não é um requisito para o plantador de igrejas (por exemplo, o apóstolo Paulo), mas aqueles que são casados ​​devem concordar entre si. Eu testemunhei várias plantas fracassadas quando um cônjuge começou a duvidar do plantio da igreja. Jesus nos disse para calcular o custo antes de tomar a decisão de segui-lo. Calcular o “custo de plantação de igrejas” significa que tanto o marido quanto a esposa estão em cem por cento de concordância antes de iniciar a igreja. O plantio de igrejas provavelmente será mais exigente e rigoroso do que se imagina. Esteja preparado.

No próximo blog, veremos outras características essenciais como fecundidade, visão, desenvolvimento e persistência.

Spanish blog:

Características de las plantaciones de iglesias efectivas, parte 1.

Dios ama a las nuevas iglesias y se regocija cuando los equipos se aventuran a plantar iglesias. Algunos plantadores de iglesias prosperan en una atmósfera pionera de plantación de iglesias, mientras que otros lo encuentran inquietante. ¿Qué hace la diferencia? ¿Qué características necesitan los plantadores de iglesias para plantar iglesias de manera efectiva? En mis próximos dos blogs, hablaré sobre las prioridades esenciales de los plantadores de iglesias eficaces.

Escudo de oracion

La primera prioridad es encontrar un grupo de personas comprometidas a orar por el plantador de iglesias. Uno de los libros más importantes que he leído es el Escudo de oración de C. Peter Wagner. Wagner muestra por qué se necesita la oración intercesora para los líderes cristianos, así como la forma de pedirla. Mientras reunía mi propio escudo de oración, compré setenta y cinco copias de este libro y se las entregué a las personas que recluté como guerreros de oración. Valió la pena el dinero gastado. Cualquier persona que plante una iglesia se beneficiará de leer este libro. Cada miembro del equipo debe desarrollar un escudo de oración y formar parte del escudo de oración de otra persona. El apóstol Pablo era un reclutador de oración. Pablo escribió a la iglesia de Colosenses: “Y también oren por nosotros, para que Dios abra una puerta para nuestro mensaje, para que podamos proclamar el misterio de Cristo, por el cual estoy encadenado. Oren para que lo proclame claramente, como debería ”(Colosenses 4: 3-4).

Vocación

Cuando Dios llama a una persona, él o ella persistirá hasta que la tarea se realice. La falta de un verdadero llamado de Dios es la razón por la cual muchos plantadores de iglesias se dan por vencidos. En mi primera plantación de iglesia en un entorno urbano, mi educación en el seminario tuvo poco que ver con mis experiencias. Recuerdo que le rogué a Janie (no es su nombre real) que usara sus cheques de asistencia social para comprar comida para sus hijos en lugar de drogas para ella. Me sentí inadecuada cuando traté de plantar una iglesia entre personas como Janie. Aunque a menudo me sentían sacudido como por olas del mar, siempre podía recurrir al hecho de que Dios me había llamado a plantar la iglesia. La Biblia era mi guía, El Espíritu me hizo seguir. Pablo el apóstol no se apartó de su llamamiento celestial para plantar iglesias. Su visión de plantar iglesias se produjo como resultado de la oración, el ayuno y la lectura de la palabra. Buscaba constantemente saber adónde lo llevaba ese llamamiento y en qué dirección lo estaba llevando.

Acuerdo entre marido y mujer

El matrimonio no es un requisito para el plantador de iglesias (por ejemplo, el apóstol Pablo), pero aquellos que están casados ​​deben estar de acuerdo. He presenciado varias iglesias fallidas cuando un cónyuge comenzó a dudar de la vocación de la iglesia. Jesús nos dijo que contáramos el costo antes de tomar la decisión de seguirlo. Contar el “costo de la plantación de iglesias” significa que tanto el esposo como la esposa están en un acuerdo del cien por ciento antes de comenzar la iglesia. La plantación de iglesias probablemente será más exigente y rigurosa de lo que jamás se haya imaginado. Esten preparado.

En el próximo blog, veremos otras características esenciales como la fructificación, la visión, el desarrollo y la persistencia.

Leave a Reply

Your email address will not be published.