Belonging Before Believing

By Stephen Daigle, College and Young Adult Pastor at Celebration Church, www.celebrationchurch.org

Growing up, I had always been under the impression that ‘bringing your friends’ to church was not only my Christian duty, but it was the most effective way of positioning someone to hear the Gospel and have an opportunity to encounter Jesus. Or so I believed at the time.

When I was in my early 20’s, I had a sobering ‘Aha!’ moment. I realized that I had become really good at speaking, but not so good at discipling. What I mean is, all of my focus was on delivering a message, but not so much walking with someone as they learn to follow Christ. I prayed that the Lord would help me ‘flip the script’ of my focus and put someone in my life who I could disciple. The next day, He did just that. My path crossed with a friend I hadn’t seen in 7 years and who expressed an interest in the hope that I had in Jesus. This was the opportunity that I had prayed for. How would I steward it?

I decided to not to invite him to church, but instead, invited him to a home bible study I was having at my house. It was actually very hard for me to do this since I was accustomed to inviting people to church. I wanted to see if he would naturally grow into the fellowship of believers without me forcing him. This friend consistently attended Bible study for months before surrendering his life to the Lord, going on a mission trip and getting baptized. After several months of consistently attending the weekly bible study, my friend asked if he could come to church with me on Sunday. I was thrilled to see his desire to know God and be a part of the body of Christ.

I’ve found that one of the major problems we face in our churches is what we call ‘closing the back door’.  They come through the front door of our church, sit in a service, leave and never come back. Why? We can discuss this all day, but I believe it’s because they have attended a service and didn’t form any meaningful relationships. However, if someone is invited to a cell meeting before attending a service, the odds of them developing meaningful relationships, becoming a part of the fellowship of believers and taking the next steps in their walk with the Lord is increased.

A Celebration Church, we encourage our cell leaders to prioritize inviting individuals to their cell meetings before inviting them to church. Of course we also encourage inviting to church service, but we know that relationships are most effectively formed in the context of the cell. For many, this is a shift in the way we think about an individual’s journey to know the Lord and grow. I would encourage you to test it out yourself.

Pray that God would put someone in your path that you could invite to your cell. Give them an opportunity to naturally grown within the cell and utilize their gifts and talents. Watch and be encouraged as God grows HIS church before your eyes!

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Pertencer Antes de Acreditar

Por Stephen Daigle, www.celebrationchurch.org

Ao crescer, eu sempre tive a impressão de que “trazer seus amigos” para a igreja não era apenas meu dever cristão, mas era a maneira mais eficaz de posicionar alguém para ouvir o Evangelho e ter a oportunidade de encontrar Jesus. Pelo menos era no que eu acreditava na época.

Quando eu estava com meus 20 anos, tive um momento sóbrio de “Aha!”. Percebi que tinha me tornado muito bom em falar, mas não tão bom em discipular. O que eu quero dizer é que todo o meu foco estava em entregar uma mensagem, mas não tanto em andar com alguém à medida que essa pessoa aprende a seguir a Cristo. Eu orei para que o Senhor me ajudasse a “inverter o roteiro” do meu foco e colocar alguém em minha vida que eu pudesse discipular. No dia seguinte, Ele fez exatamente isso. Meu caminho cruzou com um amigo que eu não via há 7 anos e que manifestou interesse na esperança que eu tinha em Jesus. Esta foi a oportunidade pela qual eu havia orado. Como eu lidaria com isso?

Decidi não convidá-lo para a igreja, mas, em vez disso, o convidei para um estudo bíblico em casa que eu estava fazendo. Na verdade, foi muito difícil fazer isso, já que eu estava acostumado a apenas convidar pessoas para ir à igreja. Eu queria ver se ele cresceria naturalmente na comunhão dos crentes sem que eu o forçasse. Este amigo frequentou o estudo bíblico por meses antes de entregar sua vida ao Senhor, ir em uma viagem missionária e ser batizado. Depois de vários meses frequentando consistentemente o estudo bíblico semanal, meu amigo perguntou se ele poderia ir à igreja comigo no domingo. Fiquei emocionado ao ver seu desejo de conhecer a Deus e fazer parte do corpo de Cristo.

Descobri que um dos principais problemas que enfrentamos em nossas igrejas é o que chamamos de “fechar a porta dos fundos”. Eles entram pela porta da frente da nossa igreja, sentam-se em um culto, saem e nunca mais voltam. Por quê? Podemos discutir isso o dia todo, mas acredito que seja porque eles participaram de um culto e não formaram nenhum relacionamento significativo. No entanto, se alguém for convidado para uma reunião de célula antes de participar de um culto, isso aumentará a chance deles desenvolverem relacionamentos significativos, tornarem-se parte da comunhão dos crentes e dar os próximos passos em sua caminhada com o Senhor.

Na Celebration Church, nós encorajamos nossos líderes de célula a priorizar o convite de indivíduos para suas reuniões em células antes de convidá-los para a igreja. É claro que também encorajamos o convite para o culto na igreja, mas sabemos que os relacionamentos são formados de maneira mais eficaz no contexto da célula. Para muitos, essa é uma mudança na forma como pensamos sobre a jornada de um indivíduo para conhecer o Senhor e crescer. Eu encorajaria você a testar isso.

Ore para que Deus coloque alguém em seu caminho que você possa convidar para a sua célula. Dê-lhe uma oportunidade de crescer naturalmente dentro da célula e utilizar seus dons e talentos. Observe e seja encorajado ao ver Deus cultivar Sua igreja diante de seus olhos!

Spanish blog:

Pertenecer antes de creer

Por Stephen Daigle, www.celebrationchurch.org

Al crecer, siempre tuve la impresión de que “llevar a tus amigos” a la iglesia no solo era mi deber cristiano, sino que era la forma más efectiva de ubicar a alguien para escuchar el Evangelio y tener la oportunidad de encontrarse con Jesús. O eso creía yo en ese momento.

Cuando tenía unos 20 años, tuve un momento de descubrimiento! Me di cuenta de que me había vuelto muy bueno hablando, pero no tan bueno discipulando. Lo que quiero decir es que todo mi enfoque estaba en entregar un mensaje, pero no tanto caminar con alguien mientras aprenden a seguir a Cristo. Oré para que el Señor me ayudara a “voltear el guión” de mi enfoque y poner a alguien en mi vida a quien pudiera discipular. Al día siguiente, Él hizo eso. Mi camino se cruzó con un amigo que no había visto en 7 años y que expresó interés en la esperanza que tenía en Jesús. Esta fue la oportunidad por la que había orado. ¿Cómo lo administraría?

Decidí no invitarlo a la iglesia, pero en cambio, lo invité a un estudio bíblico que tenía en mi casa. En realidad fue muy difícil para mí hacer esto ya que estaba acostumbrado a invitar a la gente a la iglesia. Quería ver si él crecería naturalmente en la comunión de creyentes sin que yo lo forzara. Este amigo asistió constantemente al estudio de la Biblia durante meses antes de entregar su vida al Señor, ir a un viaje misionero y bautizarse. Después de varios meses de asistir constantemente al estudio bíblico semanal, mi amigo me preguntó si podía venir a la iglesia conmigo el domingo. Me emocionó ver su deseo de conocer a Dios y ser parte del cuerpo de Cristo.

Descubrí que uno de los principales problemas que enfrentamos en nuestras iglesias es lo que llamamos “cerrar la puerta trasera”. Vienen por la puerta principal de nuestra iglesia, se sientan en un servicio, se van y nunca regresan. ¿Por qué? Podemos discutir esto todo el día, pero creo que es porque han asistido a un servicio y no han establecido relaciones significativas. Sin embargo, si alguien es invitado a una reunión celular antes de asistir a un servicio, aumentan las probabilidades de que desarrollen relaciones significativas, se conviertan en parte de la comunión de los creyentes y den los siguientes pasos en su caminar con el Señor.

En Iglesia de Celebración, alentamos a nuestros líderes celulares a priorizar invitar a personas a sus reuniones celulares antes de invitarlos a la iglesia. Por supuesto, también alentamos la invitación al servicio de la iglesia, pero sabemos que las relaciones se forman de manera más efectiva en el contexto de la célula. Para muchos, esto es un cambio en la forma en que pensamos acerca del viaje de un individuo para conocer al Señor y crecer. Te animo a que lo pruebes tú mismo.

Ora para que Dios ponga a alguien en tu camino que puedas invitar a tu célula. Dales la oportunidad de crecer naturalmente dentro de la célula y utilizar sus dones y talentos. ¡Observa y anímate a medida que Dios hacer crecer SU iglesia ante tus ojos!

Leave a Reply

Your email address will not be published.