You are Essential

Michelle Geoffrey, cell pastor at www.celebrationchurch.org

Have you ever had a friend tell you a story that they thought was hysterically funny? Have you ever been told a story that your friend thought was hysterically funny, but you had to pretend to laugh?  At the end, they say something like, “I guess you had to be there.” In the same way, leading or coaching a cell ministry without participating in a group  leaves you on the sidelines. Nothing can spur us, inspire us, and equip us to lead better than regularly participating in a group that we are personally invested in.

Early in my cell experience, I noticed that some coaches and pastors were directing or coaching, but not engaged in their own group.  I saw that they had great stories or experiences, but this left them with only tales of the past and not what was happening currently.  There was a major disconnect and this impacted their love and passion for cell ministry overall. 

It is not usually an intentional decision to not participate in a group, but it can happen over time as we multiply and grow our ministry.  Often, the longer we are believers, the more relationships we have with other believer,  which can take the place in our minds of the actual community we receive by being a consistent contributor to a cell group.  Having a growing network of Christian brothers and sisters is wonderful, but it can’t replace the growth we experience when we engage with the Body of Christ within our own cell group.

As a leader, You are essential in the cell ministry not just to create strategies, build out plans and raise up leaders, but to truly live in community.  You will not only hear testimonies, but you will walk through them.  You will not only hear about someone that accepted Christ, you will see how a cell member prayed for their friend that is now attending with you. 

Being part of a cell community gives us the inside perspective on group life, instead of only being on the sideline and hearing from others.  We can be part of the action, and not just wishing we had been there when it happened.  Don’t just hear the story of what is happening in group life, instead know that YOU have an essential part to play in group life!

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Você é essencial

Michelle Geoffrey, Pastora de Células na Celebration Church www.celebrationchurch.org

Alguma vez você contou uma estória a seus amigos e eles quase morreram de tanto rir? Alguma vez alguém te contou uma estória que ele achou que seria muito engraçada, mas você praticamente teve que fingir umas risadinhas? Possivelmente depois de notar que não surtiu efeito, ele tenha dito algo assim: “É… acho que você teria que estar lá pra entender”. Da mesma forma, liderar ou supervisionar um ministério de células sem participar realmente de uma célula faz com que você perca a ideia do que acontece. Nada pode nos chacoalhar, inspirar e equipar melhor para a liderança do que a participação regular em um grupo no qual estamos pessoalmente envolvidos.

Já bem no início da minha experiência com as células, eu notei que alguns supervisores e alguns pastores estavam dirigindo ou supervisionando, mas não estavam engajados com o seu próprio grupo. Eu percebia que eles tinham muitas estórias e experiências para contar, mas isso fazia com que eles tivessem coisas para contar apenas sobre o passado, não sobre o que estava acontecendo naqueles dias. Faltava conexão e isso impactava o seu próprio amor e paixão pelo ministério em células.

Normalmente não é algo intencional. Não é uma decisão de não participar, mas acontece ao longo do tempo à medida que acontece a multiplicação e o crescimento. Normalmente, quanto mais tempo temos de convertidos, maior é a proporção de relacionamentos pessoais que temos com pessoas que também já são convertidas, e isso acaba desviando nossa atenção da comunhão que recebemos quando somos contribuintes relevantes para a nossa própria célula. Observar o crescimento do número de irmãos e irmãs é algo maravilhoso, mas não pode vir a substituir o crescimento que experimentamos quando nos engajamos com o Corpo de Cristo a partir na nossa própria célula.

Enquanto líder, você é essencial no ministério celular, não apenas para criar estratégias, executar planos e desenvolver novos líderes, mas para verdadeiramente viver em comunidade. Não apenas ouvimos testemunhos, vivemos testemunhos. Você não vai apenas ouvir dizer que alguém aceitou a Cristo, você vai presenciar alguém orar pelo seu amigo e vê-lo vir a participar da célula junto com você.

Fazer parte da comunidade de células nos traz a perspectiva a partir de dentro do grupo ao invés de apenas ouvir o que acontece através de outras pessoas. Podemos fazer parte da ação, e não apenas ficar desejando ter estado lá para presenciar o que aconteceu. Não apenas ouça o que está acontecendo na vida dos grupos, ao invés disso, saiba que VOCÊ tem um papel essencial a desempenhar na vida dos grupos.

Spanish blog:

Eres esencial 

Por Michelle Geoffrey, pastora celular en www.celebrationchurch.org

¿Alguna vez un amigo te contó una historia que pensaste era histéricamente divertida? ¿Alguna vez te han contado una historia la cual tu amigo pensó que fue histéricamente divertida, pero tuviste que fingir reír? Al final, dicen algo como: “Supongo que tenías que estar allí”. De la misma manera, liderar o supervisar un ministerio celular sin participar en un grupo lo deja al margen. Nada puede estimularnos, inspirarnos y equiparnos para liderar mejor que participar regularmente en un grupo en el que estamos personalmente involucrados.

Al principio de mi experiencia celular, noté que algunos supervisores y pastores dirigían o entrenaban, pero no participaban en su propio grupo. Vi que tenían grandes historias o experiencias, pero esto los dejó solo con historias del pasado y no de lo que estaba sucediendo actualmente. Hubo una gran desconexión y esto impactó su amor y pasión por el ministerio celular en general.

Por lo general, no es una decisión intencional al no participar en un grupo celular, pero puede suceder con el tiempo a medida que nos multiplicamos y hacemos crecer nuestro ministerio. A menudo, cuanto más tiempo somos creyentes, más relaciones tenemos con otros creyentes, lo que puede tomar el lugar en nuestras mentes de la comunidad real que recibimos al ser un contribuyente constante a un grupo celular. Tener una red creciente de hermanos y hermanas cristianos es maravilloso, pero no puede reemplazar el crecimiento que experimentamos cuando nos relacionamos con el Cuerpo de Cristo dentro de nuestro propio grupo celular.

Como líder, eres esencial en el ministerio celular no solo para crear estrategias, elaborar planes y levantar líderes, sino para vivir verdaderamente en comunidad. No solo escucharás testimonios, sino que los analizarás. No solo escuchará acerca de alguien que aceptó a Cristo, verá cómo un miembro de la célula oró por su amigo que ahora está asistiendo con usted.

Ser parte de una comunidad celular nos da una perspectiva interna de la vida celular, en lugar de estar al margen y escuchar a los demás. Podemos ser parte de la acción, y no solo desear haber estado allí cuando sucedió. No te limites a escuchar la historia de lo que está sucediendo en la vida celular ¡ ten seguro que TU tienes un papel esencial que desempeñar en la vida celular!

Leave a Reply

Your email address will not be published.