How can we raise more leaders?

By Roberto Bottrel [serving European churches, challenging them to make disciple-makers through cells that multiply (centraldna.org). Author of the book Multiplication, The challenge before every Christian, every Leader, and the Church (available@amazon.com in English, Portuguese, Spanish and German)]

If our goal is to raise leaders, to raise more workers for the harvest, what is the best method? 

In Luke 10:2-3, Jesus sends his disciples out to the wolves and tells them something very important: “The harvest is plentiful, but the workers are few. Ask the Lord of the harvest, therefore, to send out workers into his harvest field. Go! I am sending you out like lambs among wolves.” As he sends out the seventy-two he talks about the reality of the harvest, or in other words, he is talking about our mission. 

First, he says that the harvest is plentiful. Well, if it is plentiful why aren’t we reaping it? We are not being very successful, are we? I see many growing churches in the western world that are basically attracting other Christians. It seems more like shuffling an existing pack of cards, doesn’t it? If we keep on like this, the Kingdom of God will not really grow. A pastor in Portugal, once said to me: “real church growth is under water!” Yes, we are on the way to fulfil our calling when people get baptised! That is real growth!

Obviously, there is a problem here. Even Jesus reckoned it: “The harvest is plentiful, BUT…” The interesting thing is that in his response, Jesus does not put the blame on the harvest. He does not say “BUT people are not interested in God.” The problem is elsewhere: “…BUT the workers are few”. That is where the problem is! The reason for not reaping a great harvest is not out there. It is in here. With us. Within the church. 

So what is the solution for more workers? “Ask the Lord of the harvest, therefore, to send out workers into his harvest field”. This is what we should be focusing on in order to reap the harvest. The solution is not a new method or strategy, nor having the perfect people on board. As a church leader, you should invest all you can on promoting prayer in your community. But not prayer for any of the million reasons we can pray for. Let us focus on what Jesus specifically told us to pray for:  Pray so that God calls people and sends them out! And as people pray this prayer, they open themselves to be sent out by God. They will be part of the answer to their own prayer. God will send us out. We will not lack workers. If the harvest is ready and plentiful, and we have all these workers, we will definitely reap this harvest for the glory of God.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Como nós podemos levantar mais líderes?

Por Roberto Bottrel [servindo igrejas europeias, desafiando-as a serem fazedoras de discípulos através de células que multiplicam (centraldna.org). Autor do livro Multiplicação, o desafio do cristão, do líder e da Igreja (disponível na loja central.online em Português e @amazon.com em Inglês, Espanhol, Italiano e Alemão]

Se nosso objetivo é levantar líderes, levantar mais trabalhadores para a seara, qual é o melhor método?

Em Lucas 10:2-3, Jesus envia seus discípulos entre lobos e diz a eles algo muito importante: “A colheita é grande, mas os trabalhadores são poucos. Portanto, peçam ao Senhor da colheita que mande trabalhadores para a sua colheita. Vão! Eu os estou enviando como cordeiros entre lobos.” Quando ele envia os setenta e dois ele fala sobre a realidade da seara, ou em outras palavras, ele está falando sobre nossa missão.

Primeiro, ele diz que a seara é grande. Bem, se ela é grande por que não estamos ceifando-a? Nós não estamos tendo muito êxito, não é? Eu vejo muitas igrejas crescendo no mundo ocidental que estão basicamente atraindo outros cristãos. Parece muito mais como um embaralhar de cartas de um mesmo baralho, não é? Se nós mantivermos como está, o Reino de Deus não irá de fato crescer. Um pastor em Portugal, uma vez me disse: “crescimento real da igreja está embaixo d’água!” Sim, nós estamos no caminho para cumprir nosso chamado quando pessoas são batizadas! Isso é crescimento real!

Obviamente há um problema aqui. Mesmo Jesus reconheceu isso: “a seara é grande, MAS…” O interessante aqui é que em sua resposta, Jesus não põe a culpa na seara. Ele não diz “MAS as pessoas não estão interessadas em Deus.” O problema está em outro lugar: “…MAS os trabalhadores são poucos”. Esse é onde está o problema! A razão por não termos uma grande ceifa não está lá fora. Está aqui dentro. Conosco. Dentro da igreja.

Então qual é a solução para mais trabalhadores? “Peça ao Senhor da seara, portanto, que envie trabalhadores para sua seara”. Isso é o que nós devemos focar para que possamos ceifar a seara. A solução não é um novo método ou estratégia, não é sobre ter a equipe perfeita na direção. Como um líder da igreja você deveria investir tudo que você puder na promoção de oração pela sua comunidade. Mas não oração por qualquer milhão de razões que nós oramos. Vamos focar no que Jesus especificamente nos disse para orar: Ore para que Deus chame pessoas e envie-os! E enquanto as pessoas oram essa oração, elas se abrem para serem enviadas por Deus. Elas serão parte da resposta das próprias orações delas. Deus nos enviará. Nós não teremos falta de trabalhadores. Se a seara está pronta e é grande, e nós temos todos esses trabalhadores, nós definitivamente iremos ceifar essa seara para a glória de Deus

Spanish blog:

¿Como podemos formar más líderes? 

Por Roberto Bottrel [sirviendo a las iglesias europeas, desafiándolas a hacer discípulos a través de células que se multiplican (centraldna.org). Autor del libro Multiplicación, El desafío ante cada cristiano, cada Líder y la Iglesia (disponible en @amazon.com en inglés, portugués, español, italiano y alemán)]

Si nuestro objetivo es formar líderes, conseguir más obreros para la cosecha, ¿cuál es el mejor método?

En Lucas 10: 2-3, Jesús envía a sus discípulos a los lobos y les dice algo muy importante: “y les decía: La mies a la verdad es mucha, mas los obreros pocos; por tanto, rogad al Señor de la mies que envíe obreros a su mies. Id; he aquí yo os envío como corderos en medio de lobos”. Al enviar los setenta y dos, habla de la realidad de la cosecha, o en otras palabras, habla de nuestra misión. 

Primero, dice que la cosecha es abundante. Bueno, si es abundante, ¿por qué no lo cosechamos? No estamos teniendo mucho éxito, ¿verdad? Veo muchas iglesias en crecimiento en el mundo occidental que básicamente están atrayendo a otros cristianos. Parece más como barajar una banco de cartas existente, ¿no? Si seguimos así, el Reino de Dios no crecerá realmente. Un pastor en Portugal, una vez me dijo: “¡el verdadero crecimiento de la iglesia está bajo el agua!” ¡Sí, estamos en camino de cumplir nuestro llamado cuando las personas se bautizan! ¡Eso es crecimiento real!

Obviamente, aquí hay un problema. Incluso Jesús lo calculó: “La mies es mucha, PERO…” lo interesante es que en su respuesta, Jesús no echa la culpa a la mies. Él no dice “PERO la gente no está interesada en Dios”. El problema está en otra parte: “… PERO los trabajadores son pocos”. ¡Ahí es donde está el problema! La razón por la cual no se cosecha una gran cantidad no está ahí, afuera. Está aquí, dentro,con nosotros, dentro de la iglesia. Entonces, ¿cuál es la solución para que haya más trabajadores? “Por tanto pide al Señor de la mies que envíe más obreros a su mies”. Esto es en lo que debemos centrarnos para cosechar la mies. La solución no es un nuevo método o estrategia, ni tener a las personas perfectas a bordo. Como líder de la iglesia, debes invertir todo lo que puedas en promover la oración en tu comunidad. Pero no oración por ninguna de las millones de razones por las que podemos orar. Centrémonos en lo que Jesús nos dijo específicamente que oramos: ¡Oren para que Dios llame a las personas y las envíe! Y mientras la gente hace esta oración, se abren para ser enviados por Dios. Serán parte de la respuesta a su propia oración, Dios nos enviará; no nos faltarán trabajadores. Si la cosecha está lista y es abundante, y tenemos todos estos trabajadores, definitivamente cosecharemos esta bendición para la gloria de Dios.

Leave a Reply

Your email address will not be published.