Empowerment and the Priesthood of Believers

By Rob Campbell, Founding Pastor, www.cypresscreekchurch.com

Empowerment is a vital issue in how you do church.  Empowering leaders not only believe in the priesthood of believers but encourage others to find a ministry that results in fruitfulness and fulfillment.   

Let’s consider the following questions:  Who empowers others for ministry?  What is my role as a spiritual leader in this empowerment process? 

First, Jesus is full of the Spirit of God– His source for power.  He empowers you for ministry through His Spirit.  Next, Jesus desires to release His power to his followers.  Finally, as a leader, I must follow the example of Jesus and be a conduit of God’s power in the lives of others to release them for ministry.  Therefore, God uses those in spiritual authority to empower others for ministry.  This reality has nothing to do with the pastor’s “power,” but God’s power, as Jesus exemplified in His own earthly ministry.

We see this impartation of leadership ability throughout the scriptures.  “The Lord took some of the spirit that was upon Moses and put it upon the seventy elders, and they shall bear the burden of the people with you, that you may not bear it alone” (Numbers 11:17).   As Moses prepared to relinquish his leadership role with the people of Israel, he said of Joshua (his successor), “Take Joshua, the son of Nun, a man in whom is the spirit, and lay your hand upon him.  Give him some of your authority so the whole Israelite community will obey him” (Numbers 27:18, 20).  Be reminded of how God selected David to rule Israel.  “Then Samuel took the horn of oil, and anointed him in the midst of his brothers; and the Spirit of the Lord came mightily upon David from that day forward” (I Samuel 16:33).

Consider the following relationships of empowerment found in scriptures: King Artaxerxes and Nehemiah, Elijah and Elisha, Jesus and his twelve, Jesus and the seventy, Barnabas and Saul (Didn’t the ‘son of encouragement’ partner with God in empowering this former murderer of Christians?), Paul and Silas, Barnabas and John Mark, Paul, and Timothy. 

There are many more examples, but let’s focus on you.  Who partnered with God in empowering you to minister?  Who believed in you?  Who encouraged you?  Who mentored you in your abilities, spiritual gifts, and talents?  Who took the time to listen to the dream that God put in your heart?  Now, are you God’s conduit in empowering others?  Or are you all God needs in your field or area to do the work of ministry?  How is God using you in empowering others for ministry?

Christian Schwarz writes, “Leaders of growing churches concentrate on empowering other Christians for ministry.  They do not use lay workers as ‘helpers’ in attaining their own goals and fulfilling their own visions.  Rather, they invert the pyramid of authority so that the leader assists Christians to attain the spiritual potential God has for them.” 

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

O empoderamento e o sacerdócio dos crentes

Rob Campbell, Pastor Fundador, www.cypresscreekchurch.com

O empoderamento é um assunto vital em como somos e vivemos a Igreja. Ao empoderarmos os líderes, estamos não apenas crendo no sacerdócio universal dos crentes, mas também estamos encorajando outras pessoas a descobrir o ministério onde serão frutíferos e se sentirão úteis para o Reino de Deus.

Consideremos as seguintes questões: Quem empodera outras pessoas para exercer o ministério? Qual é o meu papel como líder espiritual neste processo de empoderamento?

Em primeiro lugar, Jesus é cheio do Espírito de Deus – a sua fonte de poder. Ele te empodera para o ministério através do Seu Santo Espírito. Depois disso, Jesus deseja entregar Seu próprio poder aos seus seguidores. E finalmente, em meu papel de líder, eu devo seguir o exemplo de Jesus e ser o condutor do poder de Deus nas vidas de outros, liberando-os para o ministério. Portanto, Deus usa pessoas que estão em posição de autoridade espiritual para empoderar outras pessoas ao ministério. Esta realidade não tem nada a ver com o “poder” do pastor, mas com o poder de Deus, como Jesus mesmo deixou claro em seu próprio ministério. 

É possível observar esta capacitação da liderança através da Bíblia. “Então, descerei e ali falarei contigo; tirarei do Espírito que está sobre ti e o porei sobre eles; e contigo levarão a carga do povo, para que não a leves tu somente” Números 11:17. À medida que Moisés se preparava para entregar seu papel de líder sobre o povo de Israel, Deus falou sobre Josué, seu sucessor: “Disse o SENHOR a Moisés: Toma Josué, filho de Num, homem em quem há o Espírito, e impõe-lhe as mãos; apresenta-o perante Eleazar, o sacerdote, e perante toda a congregação; e dá-lhe, à vista deles, as tuas ordens. 20 Põe sobre ele da tua autoridade, para que lhe obedeça toda a congregação dos filhos de Israel” Números 27:18-20. É importante também lembrar de como Deus escolheu Davi para reinar sobre Israel: “Tomou Samuel o chifre do azeite e o ungiu no meio de seus irmãos; e, daquele dia em diante, o Espírito do SENHOR se apossou de Davi. Então, Samuel se levantou e foi para Ramá.” 1 Samuel 16:13

Observe também sobre os seguintes relacionamentos de empoderamento que podemos ver na Bíblia: O Rei Artaxerxes e Neemias, Elias e Eliseu, Jesus e seus doze discípulos, Jesus e os setenta discípulos, Barnabé e Saulo (não é claro que o “filho do encorajamento” se uniu a Deus ao empoderar aquele que antes era assassino de Cristãos?), Paulo e Silas, Barnabé e João Marcos, Paulo e Timóteo.

Há muitos outros exemplos, mas vamos focar nossa atenção em você. Quem se uniu a Deus para empoderar você ao ministério? Quem acreditou em você? Quem te encorajou? Quem foi seu mentor em suas habilidades, dons espirituais e talentos? Quem dedicou tempo para ouvir o sonho que Deus colocou em seu coração. Então, agora, você tem sido instrumento de Deus no empoderamento de outras pessoas? Ou você é tudo que Deus precisa em sua área de atuação para fazer todo o trabalho ministerial? Como Deus tem usado a sua vida para empoderar outras pessoas no ministério?

Christian Schwarz escreveu: ”líderes de igrejas que crescem mantêm sua atenção em empoderar outros cristãos no ministério. Eles não utilizam os leigos como “ajudantes” para obter seus próprios objetivos ou cumprir sua própria visão. Ao invés disso, eles invertem a pirâmide de autoridade de forma que o líder ajude os cristãos a atingir seu potencial espiritual preparado por Deus para cada um deles”.

Spanish blog:

Empoderamiento y sacerdocio de los creyentes

Por Rob Campbell, pastor fundador, www.cypresscreekchurch.com

El empoderamiento es un tema vital en la forma de hacer iglesia. Los líderes empoderadores no solo creen en el sacerdocio de los creyentes, sino que animan a otros a encontrar un ministerio que resulte en fruto y plenitud.

Consideremos las siguientes preguntas: ¿Quién empodera a otros para el ministerio? ¿Cuál es mi papel como líder espiritual en este proceso de empoderamiento?

Primero, Jesús está lleno del Espíritu de Dios, Su fuente de poder. Él le da poder para el ministerio a través de Su Espíritu. A continuación, Jesús desea dar a conocer su poder a sus seguidores. Finalmente, como líder, debo seguir el ejemplo de Jesús y ser un conducto del poder de Dios en la vida de otros para liberarlos para el ministerio. Por lo tanto, Dios usa a los que tienen autoridad espiritual para empoderar a otros para el ministerio. Esta realidad no tiene nada que ver con el “poder” del pastor, sino con el poder de Dios, como Jesús ejemplificó en su propio ministerio terrenal.

Vemos esta impartición de capacidad de liderazgo a lo largo de las Escrituras. “El Señor tomó del espíritu que estaba sobre Moisés y lo puso sobre los setenta ancianos, y ellos llevarán la carga del pueblo contigo, para que tú no la lleves solo” (Números 11:17). Mientras Moisés se preparaba para renunciar a su papel de liderazgo con el pueblo de Israel, dijo de Josué (su sucesor): “Toma a Josué, el hijo de Nun, un hombre en quien está el espíritu, y pon tu mano sobre él. Dale algo de tu autoridad para que toda la comunidad israelita le obedezca ”(Números 27:18, 20). Recuerde cómo Dios seleccionó a David para gobernar Israel. “Entonces Samuel tomó el cuerno de aceite y lo ungió en medio de sus hermanos; y el Espíritu del Señor descendió poderosamente sobre David desde ese día en adelante ”(I Samuel 16:33).

Considere las siguientes relaciones de empoderamiento que se encuentran en las Escrituras: el rey Artajerjes y Nehemías, Elías y Eliseo, Jesús y sus doce, Jesús y los setenta, Bernabé y Saulo (¿No se asoció el ‘hijo de aliento’ con Dios para empoderar a este ex asesino ¿de los cristianos?), Pablo y Silas, Bernabé y Juan Marcos, Pablo y Timoteo.

Hay muchos más ejemplos, pero centrémonos en ti. ¿Quién se asoció con Dios para darte poder para ministrar? ¿Quién creyó en ti? ¿Quién te animó? ¿Quién te guió en tus habilidades, dones espirituales y talentos? ¿Quién se tomó el tiempo de escuchar el sueño que Dios puso en tu corazón? Ahora, ¿eres el conducto de Dios para empoderar a otros? ¿O eres todo lo que Dios necesita en tu campo o área para hacer el trabajo del ministerio? ¿Cómo te está usando Dios para empoderar a otros para el ministerio?

Christian Schwarz escribe: “Los líderes de las iglesias en crecimiento se concentran en capacitar a otros cristianos para el ministerio. No utilizan a los miembros como “ayudantes” para lograr sus propios objetivos y cumplir sus propias visiones. Más bien, invierten la pirámide de autoridad para que el líder ayude a los cristianos a alcanzar el potencial espiritual que Dios tiene para ellos “. 

Leave a Reply

Your email address will not be published.