The Joy of Celebration

By Mario Vega, www.elim.org.sv

Some churches and leaders resist cell multiplication because they don’t want to break the close bonds of fellowship they developed in the cell group. It is a blessing when people develop bonds of love that make them want to always continue together. But the multiplication of a cell does not mean a break between its members. To reach others for Jesus, they will have to locate themselves in different houses. But they will meet again as one in the celebration where all the cells come together.

People will rejoin praise, prayer, and preaching together. What changes is the place. Before it was in the house. Now, it is in the church building. It is going from one wing of the church to the other. In addition, they can always visit each other, have outings together, and chat as usual. The work of the Great Commission demands that each occupy his rightful place in the trench, but it does not imply the breakdown of relationships.

The celebration is the festive, joyful gathering to give God glory. It’s a time to rejoice in the new people God has reached and to fellowship with God’s people.

Korean blog: (click here)

Portuguese blog:

A alegria da Celebração
Mario Vega, www.elim.org.sv

Algumas igrejas e líderes resistem à multiplicação porque não querem quebrar os laços de amizade que foram desenvolvidos na célula. Sim, é uma bênção quando as pessoas desenvolvem laços de amor que as fazem querer continuar juntos. Mas a multiplicação da célula não significa um rompimento entre seus membros. Realmente é verdade que para alcançar outras pessoas para Jesus eles terão que se adaptar em outros lares. Mas eles se encontrarão novamente com um só grupo na celebração, onde todas as células estarão juntas.

As pessoas estarão juntas novamente no louvor, oração e durante a pregação. O que muda é o local. Antes, era em um dos lares e agora é no prédio da Igreja. É passar de uma asa da igreja para a outra. Além disso, eles podem continuar visitando uns aos outros, programando encontros e conversando como sempre fizeram. O trabalho da Grande Comissão exige que cada um ocupe seu lugar nas trincheiras, mas não exige que os relacionamentos sejam desfeitos.

A Celebração é o ajuntamento festivo, alegre, que traz glória a Deus. É um tempo para se alegrar com as novas pessoas que Deus alcançou e para estar em comunhão com o povo de Deus.

Spanish blog:

El gozo de la celebración
Por Mario Vega, www.celulas.org.sv
Una de las dificultades que manifiestan algunas iglesias para la multiplicación celular es que las personas no desean que ocurra para poder continuar unidos en la misma reunión. Es una bendición cuando las personas desarrollan lazos de amor que les hace desear continuar siempre juntos. Pero, la multiplicación de una célula no significa un rompimiento entre sus miembros. Es verdad que a fin de alcanzar a otros para Jesús tendrán que ubicarse en casas diferentes. Pero volverán a reunirse en uno en la celebración donde todas las células se juntan.
Las personas volverán a participar juntos de las alabanzas, la oración y la predicación. Lo que cambiar es el lugar. Antes era en la casa ahora es en el edificio de la iglesia. Es pasar de un ala a la otra de la iglesia. Además, siempre podrán visitarse los unos a los otros, tener salidas juntos y conversar como siempre. El trabajo de la Gran Comisión demanda que cada cual ocupe el lugar que le corresponde en la trinchera, pero no implica el rompimiento de las relaciones. La celebración es el encuentro festivo en que se comparte el gozo por las personas alcanzadas y se recibe ánimo para los días por venir.

Leave a Reply

Your email address will not be published.