Passionate church planters

By Mario Vega, www.elim.org.sv

The main quality of a church planter is passion. Whatever your method of church planting, it won’t go far without a passionate heart. It is passion that turns the conversion of the lost into the planter’s bread and water. Passion is what brings out the best in people and allows them to break through their own limitations. Nobody who has done anything outstanding, in any field, did it without passion. The great scientific achievements, the great works of art, the most daring explorations, and the great sporting records were made by passionate men and women in their own field.

Paul’s passion for the lost went so far as to consider his life worthless if it was not dedicated to evangelism (Acts 20:24). Passion happens when the meaning of existence is found in a single task– in this case, the proclamation of the gospel. Passionate church planters will always find a way to get things done because difficulties will not stop them. If the door does not open, they will make their way through the window, or through the roof, but they will always meet their goal. Starting from a cell, they will not stop multiplying until they plant a new church. They focus on forming disciples who in turn generate other disciples, and thus see the Body of Christ being built for the glory of God. That is the passion that consumes them day and night and gives them new strength to enthusiastically continue their work.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Plantadores de Igrejas apaixonados

Mario Vega, www.elim.org.sv

A principal qualidade de um plantador de igrejas é a sua paixão. Seja qual for o método de plantação, não irá muito longe sem um coração apaixonado. É a paixão que faz com que a conversão dos perdidos se transforme no pão e na água da vida do plantador. É a paixão que traz o que há de melhor na vida das pessoas e faz com que superem suas próprias limitações. Ninguém jamais fez nada espetacular, em qualquer área, sem paixão. As grandes conquistas científicas, as peças de arte mais fantásticas, as explorações mais ousadas e os maiores recordes esportivos, todos foram resultado da paixão de homens e mulheres, em suas áreas específicas.

A paixão de Paulo pelos perdidos era tão grande que ele considerava sua vida inútil se não fosse dedicada ao evangelismo (Atos 20:24). A paixão acontece quando o sentido para a existência é encontrado em uma única tarefa, neste caso, a proclamação do evangelho. Os plantadores de igreja apaixonados sempre vão encontrar uma maneira de fazer o que precisa ser feito, pois as dificuldades não serão capazes de fazê-los parar. Se a porta não abrir, eles vão entrar pela janela ou pelo teto, mas eles vão alcançar o seu alvo. Começando com uma célula, eles não vão parar de multiplicar até que vejam uma igreja plantada. Seu foco é a formação de discípulos que, por sua vez, fazem novos discípulos, e assim eles conseguem ver o Corpo de Cristo sendo edificado para a glória de Deus. Esta é a paixão que os consome, de dia e de noite, e os fortalece para continuar seu trabalho de uma maneira entusiasmada.

Spanish blog:

Plantadores de iglesias apasionados

Por Mario Vega, www.elim.org.sv

La cualidad principal de un plantador de iglesias es la pasión. Cualquiera sea el método de plantación de iglesias no alcanzará mucho si no se tiene un corazón apasionado. Es la pasión la que convierte la conversión de los perdidos en el pan y agua del plantador. La pasión es la que logra lo mejor de las personas y les permite romper sus propias limitaciones. Nadie que haya hecho algo sobresaliente, en cualquier campo, lo hizo sin pasión. Los grandes logros científicos, las grandes obras de arte, las exploraciones más atrevidas, los grandes records deportivos fueron hechos por hombres y mujeres apasionados en su propio campo.

La pasión de Pablo por los perdidos llegaba al extremo de considerar su vida sin valor si no era dedicada al evangelismo (Hechos 20:24). Esa es la pasión: cuando el sentido de la existencia se encuentra en una única tarea: en este caso, el anuncio del evangelio. Los plantadores de iglesias apasionados siempre encontrarán una manera de hacer las cosas, las dificultades no los detendrán. Si la puerta no se abre se abrirán paso por la ventana, o por el tejado, pero siempre cumplirán con su meta. Partiendo de una célula, no dejarán de multiplicarlas hasta plantar una nueva iglesia. Se enfocan en formar discípulos que a su vez generen a otros discípulos, y así, ver el Cuerpo de Cristo ser edificado para la gloria de Dios. Esa es la pasión que les consume día y noche y les da nuevas fuerzas para continuar con entusiasmo su trabajo.

Leave a Reply

Your email address will not be published.