You Are That Man!

José R. Zavala V., Founding pastor of Guayaquil Norte – Ecuador, www.facebook.com/pastoreszavala; www.instagram.com/pastoreszavala

The office of the prophet, especially in the Old Testament, was characterized by conviction and energy in pointing out sin. The prophet dared to denounce the sin of nations, peoples, and kings.

A scene that personally catches my attention is the one in which the prophet Nathan confronted King David with his sin. He does it cautiously and precisely.

David, who was a man after God’s own heart, was stripped naked before Nathan’s prophetic words (2 Samuel 12:7ff). A leader as charismatic as David, who enjoyed the favor of the people for his personality and his achievements, could have turned a deaf ear to Nathan’s prophetic word. Rather, he was sensitive and repented of the sin he had committed.

I believe with all my heart that we all need to be like David and hear what God is saying today. Denominational Presidents, Pastors of large churches, and all Cell Leaders need to be as vulnerable as David and hear what God is saying to us. We’ve been hearing over and over on the news about the sad state of the church and how many prominent leaders have fallen into sin.

It would have been very easy for King David to ignore and even kill the prophet and his message. The Bible lets us know that the opposite happened: the relationship between the prophet and the king lasted for many years. It seems to me that sincerity, trust, and gratitude increased over time and the two became very close. Nathan is later mentioned along with Zadok the priest, Benaiah son of Jehoiada, Shimei, Rei, and all David’s great ones (1 Kings 1:8, KJV 1995).

Dear fellow servant:

• Have you ever been confronted by a man of God who pointed out a particular sin to you?

• Do you have in your close circle a prophet of God whom you trust?

• Are you ready to open your heart, make yourself vulnerable, and listen to a Nathan in your life?

May God fulfill this in your life!

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Você é Esse Homem!

José R. Zavala V., pastor fundador de Guayaquil Norte – Equador,  www.facebook.com/pastoreszavalawww.instagram.com/pastoreszavala

O ofício do profeta, especialmente no Antigo Testamento, era caracterizado pela convicção e energia em apontar o pecado. O profeta ousava denunciar o pecado das nações, povos e reis.

Uma cena que pessoalmente me chama a atenção é aquela em que o profeta Natã confrontou o rei Davi com seu pecado. Ele faz isso com cautela e precisão.

Davi, que era um homem segundo o coração de Deus, foi despido diante das palavras proféticas de Natã (2 Samuel 12:7ss). Um líder tão carismático como Davi, que gozava do favor do povo por sua personalidade e suas realizações, poderia ter feito ouvidos moucos à palavra profética de Natã. Em vez disso, ele foi sensível e se arrependeu do pecado que havia cometido.

Acredito de todo o coração que todos nós precisamos ser como Davi e ouvir o que Deus está dizendo hoje. Presidentes denominacionais, pastores de grandes igrejas e todos os líderes de célula precisam ser tão vulneráveis quanto Davi e ouvir o que Deus está nos dizendo. Temos ouvido repetidamente as notícias sobre o triste estado da igreja e os muitos líderes proeminentes que caíram em pecado.

Teria sido muito fácil para o rei Davi ignorar e até mesmo matar o profeta e sua mensagem. A Bíblia nos deixa saber que aconteceu o contrário: a relação entre o profeta e o rei durou muitos anos. Parece-me que a sinceridade, a confiança e a gratidão aumentaram com o tempo e os dois ficaram muito próximos. Natã é mencionado mais tarde junto com Zadoque, o sacerdote, Benaia, filho de Joiada, Simei, Rei e todos os grandes de Davi (1 Reis 1:8).

Caro companheiro de serviço:

  • Você já foi confrontado por um homem de Deus que apontou um pecado em particular para você?
  • Você tem em seu círculo próximo um profeta de Deus em quem você confia?
  • Você está pronto para abrir seu coração, tornar-se vulnerável e ouvir um Natã em sua vida?

Que Deus cumpra isso em sua vida!

Spanish blog:

¡Tú Eres Ese Hombre!

José R. Zavala V., Pastor fundador de Guayaquil Norte – Equador,  www.facebook.com/pastoreszavalawww.instagram.com/pastoreszavala

El oficio del profeta ha estado caracterizado por la convicción y energía al señalar el pecado. En el Antiguo Testamento, el profeta se atreve a denunciar el pecado de naciones, pueblos y reyes.

Una escena que en lo personal, me llama mucho la atención es aquella en la que el profeta Nathan decide confrontar al rey David con su pecado. Lo hace con cautela y con precisión. El rey “conforme al corazón de Dios” queda desnudado por la acción del profeta. (2 Samuel 12:7ss)

Un líder tan carismático como David, que gozaba del favor del pueblo por su personalidad y sus logros alcanzados, pudo haberse hecho oidos sordos al señalamiento de Nathan. Sin embargo, aún cuando pudo mandar a callar esa voz profética para siempre, fue sensible y se arrepintió del pecado que habia cometido.

Creo con todo mi corazón, que todos necesitamos de un Profeta para nuestro propio bien. Presidentes denominacionales, Pastores de iglesias numerosas, Líderes de grupos celulares, todos somos tan vulnerables como David. Las tristes noticias de las que nos enteramos vez tras vez acerca de las caidas estrepitosas de grandes ministros cristianos deben convencernos de esta afirmación.

Habría sido muy fácil para el Rey ignorar y hasta liquidar al profeta y a su mensaje. La Biblia nos deja saber que sucedió todo lo contrario: la relación entre el profeta y el rey duró por muchos años. Me parece que la sinceridad, la confianza y la gratitud se incrementaron con el paso del tiempo y ambos llegaron a ser muy unidos. Más adelante se menciona a Nathan junto con el sacerdote Sadoc, Benaía hijo de Joiada, Simei, Rei y todos los grandes de David. (1 Reyes 1:8, RVR 1995)

Querido Consiervo:

  • ¿Has sido confrontado alguna vez por un hombre de Dios quien te señaló un pecado en particular?
  • ¿Tienes en tu círculo cercano a un profeta de Dios en quien tú confies?
  • ¿Estás listo para abrir tu corazón, hacerte vulnerable y escuchar a un Nathan en tu vida?

¡Que así sea!

Leave a Reply

Your email address will not be published.