The Church in Times of Trouble

By Robert Lay, Cell Church Ministry Brazil, www.celulas.com.br

Throughout history, since Jesus founded his church, there have been  hardships such as persecutions, diseases, pestilences, and so forth. Christ’s church has never given up or been conquered.

The disciples, on one occasion, went through a storm on the sea, and Jesus was at the stern in the boat, sleeping on a cushion (Mark 4:38-41. The disciples were terrified and woke Jesus up asking Him, “Teacher, don’t you care if we drown?” After He rebuked the wind and stilled the waves, he said to his disciples, “Why are you so afraid? Do you still have no faith?” They were terrified and asked each other, “Who is this? Even the wind and the waves obey him!”

In these days of fear of Coronavirus we should not be disturbed and afraid. Jesus is in our boat! Sometimes it feels like He is asleep and doesn’t care. We might intellectually believe that Jesus is in control of every situation, but sometimes fear takes over. The Master wanted his disciples to exercise their faith, so he allowed a storm to come up to see how they would respond. As it turned out they were slow learners, like many of us today.

The Master’s teaching methods are similar today. Only as we exercise our spiritual muscles does our faith grow strong. Let us not be afraid of difficult times. They are good for us and help us increase our faith.

Hardships also bring us back to consider and analyze our priorities. Jesus gave the movement called Church only one order or command, “Make disciples of all nations”. He did not tell us make attractive and fancy programs to lure people into a building to “Worship” God, etc. In this times of coronavirus the Church is underground. No fancy meetings, just indoor family gatherings.

Social media is helping Christ’s church to maintain contact with fellow believers. Also in this time of distress, many new doors are opening to the gospel. People are much more willing to listen when the church offers a clear alternative to fear and panic. Jesus is the one who continues to rebuke the wind and calms the waves. This is the time to win people and make them disciples of Jesus Christ.

Let’s get back to simplicity. Jesus was simple. We have the gift of complication. Let’s use the different channels of social media to offer peace and hope to our unsaved friends. Let’s get back to what really matters. Make Disciples!

Help us God!

Robert

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

A Igreja em tempos difíceis

Por Robert Lay, Cell Church Ministry Brazil, www.celulas.com.br

Ao longo da história, desde que Jesus fundou sua Igreja, houve dificuldades como perseguições, doenças, epidemias e assim por diante. A igreja de Cristo nunca desistiu ou foi derrotada.

Os discípulos, em uma ocasião, passaram por uma tempestade no mar, e Jesus estava na popa do barco, dormindo sobre um travesseiro (Marcos 4: 38-41). Os discípulos ficaram aterrorizados e acordaram Jesus perguntando a Ele: “’Mestre, não te importas que morramos?’ Ele se levantou, repreendeu o vento e disse ao mar: ‘Aquiete-se! Acalme-se!’ O vento se aquietou, e fez-se completa bonança. Então perguntou aos seus discípulos: ‘Por que vocês estão com tanto medo? Ainda não têm fé?’ Eles estavam apavorados e perguntavam uns aos outros: ‘Quem é este que até o vento e o mar lhe obedecem?'”.

Nestes dias de medo do coronavírus, não devemos ficar perturbados nem com medo. Jesus está no nosso barco! Às vezes parece que ele está dormindo e não se importa. Podemos acreditar com nossa mente que Jesus está no controle de todas as situações, mas às vezes o medo toma conta. O Mestre queria que seus discípulos exercessem sua fé, então ele permitiu que uma tempestade se levantasse para ver como eles reagiriam. Como você pôde ver, eles aprendiam devagar, como muitos de nós hoje.

Os métodos de ensino do Mestre são semelhantes hoje. Somente quando exercitamos nossos músculos espirituais nossa fé se fortalece. Não tenhamos medo de tempos difíceis. Eles são bons para nós e nos ajudam a aumentar nossa fé.

As dificuldades também nos trazem de volta a considerar e analisar nossas prioridades.  Jesus deu ao movimento chamado Igreja apenas uma ordem/comando: “Façam discípulos de todas as nações”. Ele não nos disse para criar programas atraentes e sofisticados para atrair as pessoas a um prédio para “adorar” a Deus, etc. Nesse período de coronavírus, a Igreja está no “subsolo”. Não há reuniões sofisticadas, apenas reuniões familiares internas.

As mídias sociais estão ajudando a igreja de Cristo a manter contato com os irmãos. Também neste momento de angústia, muitas portas novas estão se abrindo para o evangelho. As pessoas estão muito mais dispostas a ouvir quando a Igreja oferece uma alternativa clara ao medo e ao pânico. Jesus é quem continua a repreender o vento e acalmar as ondas. Este é o momento de conquistar as pessoas e torná-las discípulas de Jesus Cristo.

Vamos voltar à simplicidade. Jesus era simples. Temos o dom da complicação. Vamos usar os diferentes canais das mídias sociais para oferecer paz e esperança aos nossos amigos não salvos. Vamos voltar ao que realmente importa. Faça discípulos!

Ajude-nos, Deus!

Robert

Spanish blog:

La iglesia en tiempos de problemas

Por Robert Lay, Ministerio de la Iglesia Celular Brasil, www.celulas.com.br

A lo largo de la historia, desde que Jesús fundó su iglesia, han habido dificultades como persecuciones, enfermedades, pestilencias, etc. La iglesia de Cristo nunca se ha rendido o ha sido conquistada.

Los discípulos, en una ocasión, atravesaron una tormenta en el mar, y Jesús estaba en la popa en el bote, durmiendo en un cojín (Marcos 4: 38-41. Los discípulos estaban aterrorizados y despertaron a Jesús preguntándole: “Maestro , ¿no te importa si nos ahogamos? “Después de que reprendió al viento y calmó las olas, les dijo a sus discípulos:” ¿Por qué tienen tanto miedo? ¿Todavía no tienen fe? “Ellos se aterrorizaron y se preguntaron unos a otros: “¿Quién es este? ¡Incluso el viento y las olas lo obedecen!”

En estos días de miedo al coronavirus no debemos ser molestados y asustados. ¡Jesús está en nuestro bote! A veces parece que está dormido y no le importa. Podríamos creer intelectualmente que Jesús tiene el control de cada situación, pero a veces el miedo se toma el control. El Maestro quería que sus discípulos ejercitaran su fe, por lo que permitió que se desatara una tormenta para ver cómo responderían. Al final resultó que eran estudiantes lentos, como muchos de nosotros hoy.

Los métodos de enseñanza del Maestro son similares hoy. Solo cuando ejercitamos nuestros músculos espirituales nuestra fe se fortalece. No tengamos miedo a los tiempos difíciles. Son buenos para nosotros y nos ayudan a aumentar nuestra fe.

Las dificultades también nos hacen volver a considerar y analizar nuestras prioridades. Jesús le dio al movimiento llamado Iglesia una sola orden o mandamiento: “Hacer discípulos a todas las naciones”. No nos dijo que hiciéramos programas atractivos y elegantes para atraer a la gente a un edificio para “adorar” a Dios, etc. En estos tiempos de coronavirus, la Iglesia está bajo tierra. No hay reuniones elegantes, solo reuniones familiares en interiores.

Las redes sociales están ayudando a la iglesia de Cristo a mantener contacto con otros creyentes. También en este momento de angustia, se están abriendo muchas puertas nuevas al evangelio. La gente está mucho más dispuesta a escuchar cuando la iglesia ofrece una alternativa clara al miedo y al pánico. Jesús es el que continúa reprendiendo al viento y calma las olas. Este es el momento de ganar personas y hacerles discípulos de Jesucristo.

Volvamos a la simplicidad. Jesús fue simple. Nosotros tenemos el don de la complicación. Usemos los diferentes canales de las redes sociales para ofrecer paz y esperanza a nuestros amigos no salvos. Volvamos a lo que realmente importa. ¡Hacer discípulos!

Ayúdanos Dios!

Robert

Sumate a la Obra Misionera a Pueblos No Alcanzados

Leave a Reply

Your email address will not be published.