Cell Lesson Content

marioby Mario Vega, http://www.elim.org.sv/

Our cell lesson guide follows the basic steps of teaching: Introduction, body and application. These three steps are clearly indicated, and the leader notices the transition from one to another. The reason for this is to avoid leaving out any of these aspects from the lesson.

The introduction connects the listener with the Scripture that will be developed. The body of the teaching provides the biblical content, usually divided into three or four points. Finally, the application takes the teaching part and applies it to the daily lives of the listeners. There is no teaching that doesn’t end with application.

By following the same format week after week, the leaders become accustomed to an orderly presentation of a theme. Over time, they not only understand the order "mentally," but also "practically." It becomes a habit because they become accustomed to doing it week after week. When this type of practical teaching become a habit, they are capable of doing the same thing with any teaching they wish to set forth.

The leaders know that every teaching must include practice application to the hearers. It’s not simply teaching of theoretical content. Rather, it must have focused application to the lives of the hearers. In this way, the lesson comes alive to the recipients, since everyone knows that we are not talking about something that only applies to people from two thousand years ago, but to the lives of people living here and now.

Comments?

Joel

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Conteúdo da Lição da Célula, por Mario Vega, http://www.elim.org.sv/
Nosso guia de lição da célula segue os passos básicos do ensino: introdução, corpo e aplicação. Estes três passos são claramente indicados, e o lder nota a transição de um para o outro. A razão disso é para evitar deixar de lado qualquer destes aspectos da lição.

A introdução conecta o ouvinte com a Escritura que será desenvolvida. O corpo do ensino fornece o conteúdo bblico, geralmente dividido em três ou quatro pontos. Finalmente, a aplicação pega a parte ensinada e a aplica ao dia-a-dia dos ouvintes. Não existe ensinamento que não termine com aplicação.
Ao seguir o mesmo formato semana após semana, os lderes se acostumam com uma apresentação ordenada de um tema. Com o tempo, eles não só entendem a ordem "mentalmente", mas também "praticamente". Isso se torna um hábito porque eles se acostumam a fazer isso semana após semana. Quando esse tipo de ensino prático se torna um hábito, eles são capazes de fazer o mesmo com qualquer ensinamento que desejam expor.
Os lderes sabem que qualquer ensinamento deve incluir aplicação prática aos ouvintes. Não é simplesmente ensinar um conteúdo teórico. Em vez disso, ele deve ter aplicação focada para a vida dos ouvintes. Dessa forma, a lição se torna viva aos destinatários, já que todos sabem que nós não estamos falando sobre algo que só se aplica às pessoas de dois mil anos atrás, mas às vidas de pessoas vivendo aqui e agora.
Comentários?

Mario

Spanish blog:

Contenidos de la lección de la célula.

por Mario Vega

Nuestra gua de lección de la célula sigue los pasos básicos de una enseñanza: Introducción, cuerpo y aplicación. Estos tres pasos están señalados claramente y el lder puede notar el paso de uno a otro. Esto tiene por objeto que en la enseñanza no quede ninguno de los aspectos por fuera.

La introducción relaciona al oyente con la Escritura a desarrollar. El cuerpo de la enseñanza ofrece el contenido del da, normalmente distribuido en tres o cuatro puntos. Finalmente, la aplicación toma la enseñanza del da y la aplica a los oyentes en su realidad diaria. No hay enseñanza que no termine con su respectiva aplicación.

El ejercicio de seguir este formato semana tras semana hace que los lderes vayan acostumbrándose a una presentación ordenada de un tema. Con el tiempo, este es un esquema que no solo poseen mentalmente sino que también han aprendido a usarlo en la práctica. A partir de ese momento, ellos tienen la capacidad de ordenar cualquier enseñanza que deseen impartir en otras ocasiones o necesidades.

Saben que toda enseñanza debe tener una aplicación práctica para los oyentes. No se tratará solo de una enseñanza suelta sino que irá dirigida al corazón de la vida diaria de los oyentes. As, las enseñanzas cobran vida para quien la recibe. Pues no se le está hablando de algo que tena que ver con las personas de hace dos milenios sino con nosotros, ahora y aqu.

Mario

Leave a Reply

Your email address will not be published.