Any Group Can Do It

coaches_steveCordleCropped

By Steve Cordle, www.crossroadsumc.org

Evangelism is an act of spiritual warfare, whereby we raid the dominion of the enemy and the Kingdom of God comes more fully upon the earth. So, we can expect multiple barriers to sharing and hearing of the Gospel. Prayer is the tool that dismantles those barriers.

Cell groups can advance the Gospel by praying by name weekly for those they know who have not yet come to Christ. Prayer can give courage to believers to share the Gospel and to help others hear it. By making a list of people to pray for, the group can stay focused on the goal over the long haul.

If a group is not praying regularly for the lost, it may be time to study the scriptural commands to evangelize, or to share stories of people coming to Christ through the intercession of others.

Once, I asked our Wednesday night group to pray for me and for the person I intended to share the Gospel with on Friday. When I met that person two days later, she showed me a tract and a scripture-inscribed coin that a random stranger had given her at the grocery store the day before. That sparked a conversation and led to me sharing the Gospel with that person. I wonder if our group’s prayer led that lone evangelist to connect with the person we were praying for.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Qualquer Grupo Pode Fazer Isso

Por Steve Cordle, www.crossroadsumc.org

O evangelismo é um ato de guerra espiritual, pela qual nós invadimos o domnio do inimigo e o Reino de Deus vem sobre a terra de forma mais plena. Assim, podemos esperar várias barreiras para compartilhar e para as pessoas ouvirem o Evangelho. A oração é a ferramenta que desmantela essas barreiras.

As células podem avançar o Evangelho orando semanalmente pelo nome das pessoas que elas sabem que ainda não foram a Cristo. A oração pode dar coragem aos convertidos para compartilhar o Evangelho e ajudar outras pessoas a ouv-lo. Ao fazer uma lista de pessoas por quem orar, o grupo pode permanecer focado no objetivo em longo prazo.

Se um grupo não está orando regularmente pelos perdidos, pode ser o momento de estudar os comandos das Escrituras para evangelizar, ou compartilhar histórias de pessoas que foram até Cristo através da intercessão de alguém. Certa vez, eu pedi para nossa célula de quarta-feira à noite orar por mim e pela pessoa com quem eu pretendia compartilhar o Evangelho na sexta-feira. Quando eu encontrei essa pessoa dois dias depois, ela me mostrou um folheto e uma moeda com um inscrito da Bblia que um estranho aleatório tinha dado a ela no supermercado no dia anterior. Isso despertou uma conversa e me levou a compartilhar o Evangelho com aquela pessoa. Eu me pergunto se a oração do nosso grupo levou aquele evangelista solitário a se conectar com a pessoa por quem estávamos orando.

Spanish blog: 

Cualquier grupo puede hacerlo

Por Steve Cordle, www.crossroadsumc.org

La evangelización es un acto de guerra espiritual, donde podemos atacar el dominio del enemigo y el Reino de Dios viene con más fuerza sobre la tierra. Por lo tanto, podemos esperar múltiples barreras para compartir y escuchar del Evangelio. La oración es la herramienta que desmantela esas barreras.

Los grupos celulares pueden avanzar en el Evangelio, orando por su nombre semanalmente por aquellos que saben que aún no han llegado a Cristo. La oración puede dar valor a los creyentes para compartir el Evangelio y ayudar a los demás a escuchar. Al hacer una lista de las personas que orar, el grupo puede mantener la concentración en el objetivo a largo plazo.

Si un grupo no está orando regularmente por los perdidos, puede ser el momento para estudiar los mandamientos bblicos para evangelizar, o para compartir historias de personas que vienen a Cristo por medio de la intercesión de los demás.

Una vez, le ped a nuestro grupo el miércoles por la noche que oraran por m y por la persona que tena la intención de compartir el Evangelio el viernes. Cuando conoc a esa persona dos das después, ella me mostró un tracto y una moneda inscrita que un extraño le haba dado en el supermercado el da anterior. Eso provocó una conversación y me llevó a compartir el Evangelio con esa persona. Me pregunto si la oración de nuestro grupo dirigió a el evangelista solitario a conectar con la persona que estábamos orando.

Leave a Reply

Your email address will not be published.