From Leader to Disciple-maker

By Joel Comiskey, check out Joel’s latest book, Living in Victory

A young man, eager to climb into the driver’s seat of his organization, went into the old man’s office and said, “Sir, as you know, I’ve been appointed by the board to succeed you as president of the bank, and I’d be very grateful for any counsel and help that you could give to me.”

The old man said, “Son, sit down. I have two words of counsel for you. Two words.” “What are they?” asked the young executive. “Right Decisions,” said the boss. The young man thought a moment and said, “Sir, that’s very helpful, but how does one go about making those right decisions?” The old man responded, “One word: Experience.” “Thank you, sir,” said the young man. “I’m sure that will be helpful. But really sir, how does one go about gaining experience?” The old man smiled and said, “Two words: Wrong Decisions.”  

People grow through stepping out, failing, and stepping out again.

Most know that famous American inventor, Thomas Edison, invented the light bulb. What a lot of people don’t know is that he tried over 2,000 experiments before he got it to work. A young reporter asked him how it felt to fail so many times. He said, “I never failed once. I invented the light bulb. It just happened to be a 2,000-step process.

Becoming a disciple of Jesus requires learning through experience. So what does this have to do with team leadership in the cell group? It means that the more we can give people a chance to minister in the cell, the more they are going to grow.

In my own cell, we have had eight people on the leadership team (we recently multiplied into two cells). All of us rotated in doing each part of the cell: icebreaker, worship, lesson, and prayer.

Many think that only the “leader” should lead the lesson time. I’ve come to believe that the lesson should be so simple that everyone on the team should take their part leading it. At our church, Nuevo Amanecer, all the groups follow three easy questions based on the text used in the pastor’s sermon:

  1. What does the passage say?
  2. What is the passage saying to me?
  3. How can I apply this passage in my life in the following week?

Before people answer each question, we read the passage and then ask everyone to take a moment of silence. 

With this method, we’ve been able to encourage many people who never thought they could lead a small group lesson to do so with confidence and boldness. This method is simple and helps everyone to focus on transformation rather than information.

Icebreaker, worship, and prayer/ministry time are also great opportunities to get people involved.

Remember the goal is to make disciples who make disciples. When members are asked to mainly listen to the leader, they will not have the chance to exercise their muscles and become the priesthood of all believers.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

De líder a Fazedor de Discípulo

Por Joel Comiskey

Um jovem, ansioso para subir ao assento do motorista de sua organização, foi ao escritório do velho e disse: “Senhor, como você sabe, fui nomeado pelo conselho para sucedê-lo como presidente do banco, e eu ficaria muito grato por qualquer conselho e ajuda que você pudesse me dar.”

O velho disse: “Filho, sente-se. Tenho duas palavras de conselho para você. Duas palavras.” “Quais são elas?” perguntou o jovem executivo. “Decisões certas”, disse o chefe. O jovem pensou por um momento e disse: “Senhor, isso é muito útil, mas como alguém faz para tomar as decisões certas?” O velho respondeu: “Uma palavra: Experiência”. “Obrigado, senhor”, disse o jovem. “Tenho certeza de que será útil. Mas, sério, senhor, como se faz para ganhar experiência?” O velho sorriu e disse: “Duas palavras: decisões erradas”.

As pessoas crescem se lançando, fracassando e se lançando novamente.

A maioria sabe que o famoso inventor americano, Thomas Edison, inventou a lâmpada. O que muitas pessoas não sabemos é que ele tentou mais de 2.000 experimentos antes de fazer funcionar. Um jovem repórter perguntou-lhe como era falhar tantas vezes. Ele disse: “Nunca falhei nenhuma vez. Eu inventei a lâmpada. Aconteceu que era um processo de 2.000 etapas.

Para se tornar um discípulo de Jesus, é preciso aprender por meio da experiência. Então, o que isso tem a ver com liderança de equipe na célula? Isso significa que quanto mais dermos às pessoas a chance de ministrar na célula, mais elas crescerão.

Em minha própria célula, tivemos oito pessoas na equipe de liderança (recentemente nos multiplicamos em duas células). Todos nós fizemos o rodízio em realizar cada parte da célula: quebra-gelo, adoração, lição e oração.

Muitos pensam que apenas o “líder” deve liderar o tempo da aula. Acredito que a lição deve ser tão simples que todos na equipe devem participar, liderando-a. Em nossa igreja, Nuevo Amanecer, todos os grupos seguem três perguntas fáceis baseadas no texto usado no sermão do pastor:

1.       O que a passagem diz?

2.       O que a passagem está me dizendo?

3.       Como posso aplicar essa passagem em minha vida na semana seguinte?

Antes de as pessoas responderem a cada pergunta, lemos a passagem e então pedimos a todos que façam um momento de silêncio.

Com este método, temos sido capazes de encorajar muitas pessoas que nunca pensaram que poderiam liderar uma aula em um pequeno grupo a fazer isso com confiança e ousadia. Este método é simples e ajuda todos a se concentrarem na transformação ao invés da informação.

Quebra-gelo, adoração e tempo de oração/ministração também são ótimas oportunidades para envolver as pessoas.

Lembre-se de que o objetivo é fazer discípulos que fazem discípulos. Quando os membros são solicitados a ouvir principalmente o líder, eles não terão a chance de exercitar seus músculos e se tornar o sacerdócio de todos os crentes.

Spanish blog:

De líder a hacedor de discípulos 

Por Joel Comiskey 

Un joven, ansioso por ocupar el asiento del conductor de su organización, entró en la oficina del anciano y dijo: “Señor, como usted sabe, fui designado por la junta para sucederlo como presidente del banco, y yo estaría muy agradecido por cualquier consejo y ayuda que pudiera brindarme “. 

El anciano dijo: “Hijo, siéntate. Tengo dos palabras de consejo para ti. Dos palabras.” “¿Cuáles son?” preguntó el joven ejecutivo. “Decisiones correctas”, dijo el jefe. El joven pensó un momento y dijo: “Señor, eso es muy útil, pero ¿cómo se toman las decisiones correctas?” El anciano respondió: “Una palabra: experiencia”. “Gracias, señor”, dijo el joven. “Estoy seguro de que será útil. Pero realmente señor, ¿cómo se hace para adquirir experiencia? El anciano sonrió y dijo: “Dos palabras: decisiones equivocadas”. 

La gente crece intentando, fallando e intentándolo de nuevo. 

La mayoría sabe que el famoso inventor estadounidense, Thomas Edison, inventó la bombilla. Lo que mucha gente no sabe es que intentó más de 2000 experimentos antes de que funcionara. Un joven reportero le preguntó cómo se sentía fallar tantas veces. Dijo: “Nunca fallé ni una vez. Inventé la bombilla. Simplemente resultó ser un proceso de 2000 pasos. 

Convertirse en discípulo de Jesús requiere aprender a través de la experiencia. Entonces, ¿qué tiene esto que ver con el liderazgo del equipo en el grupo celular? Significa que cuanto más le podamos dar a las personas la oportunidad de ministrar en la célula, más crecerán.  

En mi propia célula, hemos tenido ocho personas en el equipo de liderazgo (recientemente nos multiplicamos en dos células). Todos rotamos para cumplir con cada privilegio de la célula: rompehielos, adoración, enseñanza y oración. 

Muchos piensan que solo el “líder” debe dirigir la enseñanza. He llegado a creer que la enseñanza debería ser tan sencilla que todos los miembros de la célula deberían participar en su liderazgo. En nuestra iglesia, Nuevo Amanecer, todas las células siguen tres preguntas, muy sencillas, basadas en el texto usado en la predicación del pastor: 

  1. ¿Qué dice el pasaje? 
  2. ¿Qué me dice el pasaje? 
  3. ¿Cómo puedo aplicar este pasaje en mi vida la semana siguiente? 

Antes de que la gente responda cada pregunta, leemos el pasaje y luego les pedimos a todos que tomen un momento de silencio. 

Con este método, hemos podido alentar a muchas personas que nunca pensaron que podrían dirigir una enseñanza celular a que lo hagan con confianza y audacia. Este método es simple y ayuda a todos a concentrarse en la transformación en lugar de en la información. 

El tiempo para romper el hielo, la adoración y la oración / ministrar también son excelentes oportunidades para involucrar a las personas. 

Recuerda que la meta es hacer discípulos que hagan discípulos. Cuando se les pide a los miembros que escuchen principalmente al líder, no tendrán la oportunidad de ejercitar sus músculos y convertirse en el sacerdocio de todos los creyentes. 

1 thought on “From Leader to Disciple-maker

  • Muito bom essa reflexão ,pois foi difícil para mim tomar decisão se deveria sair da igreja que eu frequentava.Porem veio um dura tribulação pois afetou a minha saúde e família .Mas não decidi ainda continuo lutando, estou fazendo tratamento e permanecendo na fé pois onde sem a fé é impossível agradar a Deus Hb 11:6

Leave a Reply

Your email address will not be published.