Transparency in the Christian community

By Mario Vega, www.elim.org.sv v

In chapter five of the book of Acts, we read about a shocking story about Ananias and Sapphira. They sold a property and saved part of the sale money. But, they told the brethren that they were giving all the money as a donation for the poor. Their sin was not their refusal to surrender their property but not being transparent and truthful about what they actually gave. If they had declared that they only going to give a part of their land,  nothing would have happened.

But, they were deceptive. Peter, filled with the Holy Spirit, perceived their lack of transparency and both received a very severe punishment. This punishment served as a warning to the rest of the believers who understood that transparency is a fundamental value of the nature of the church as a community based on love.

Transparency is essential to Christianity. Confession is nothing other than sincere acceptance of sins before God and men. And we know that confession precedes all relationship and experience within the faith.

It is not an exaggeration to say that there is no Christianity without transparency. In fact, transparency must be the norm in the relationship of believers. That was the real sin of Ananias and Sapphira, not having practiced transparency in the Christian community.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Transparência na Comunidade Cristã

 Por Mario Vega, www.elim.org.sv

No capítulo cinco do livro de Atos, lemos uma história chocante sobre Ananias e Safira. Eles venderam uma propriedade e economizaram parte do dinheiro da venda, mas disseram aos irmãos da igreja que estavam dando todo o dinheiro como doação para os pobres. Seu pecado não foi a recusa em entregar todo o valor de suas propriedades, mas o fato de não terem sido transparentes e verdadeiros sobre o que eles estavam dando. Se eles tivessem declarado que só dariam parte de suas terras, nada teria acontecido.

Mas eles eram enganosos. Pedro, cheio do Espírito Santo, percebeu sua falta de transparência e ambos receberam um castigo muito severo. Esta punição serviu como um aviso para o resto dos crentes que entenderam que a transparência é um valor fundamental da natureza da Igreja como uma comunidade baseada no amor.

A transparência é essencial para o cristianismo. A confissão não é nada além da sincera aceitação dos pecados diante de Deus e dos homens. E sabemos que a confissão precede todo relacionamento e experiência dentro da fé.

Não é exagero dizer que não há cristianismo sem transparência. De fato, a transparência deve ser a norma no relacionamento dos cristãos. Esse foi o verdadeiro pecado de Ananias e Safira: não praticar transparência na comunidade cristã.

Spanish blog:

La transparencia en la comunidad cristiana

por Mario Vega, www.elim.org.sv

En el capítulo cinco de los Hechos de los Apóstoles se encuentra una impactante historia en donde Ananías y Safira son protagonistas. Ellos vendieron una propiedad y guardaron parte del dinero de la venta. Pero, dijeron a los hermanos que estaban entregando la totalidad del dinero como donación para los pobres. El pecado de ellos no fue el negarse a entregar la totalidad sino el no ser sinceros al decir que donaban el total cuando realmente solo era una parte. Si ellos hubieran declarado que solo entregaban una parte nada habría ocurrido.

Pero, planearon mal. Pedro, lleno del Espíritu Santo, percibió la falta de transparencia en sus palabras y ambos recibieron un castigo muy severo. Ese castigo sirvió de advertencia para los demás creyentes quienes comprendieron que la transparencia es un valor fundamental de la naturaleza de la iglesia como una comunidad basada en el amor.

La transparencia es esencial al cristianismo. La confesión no es otra cosa que la aceptación sincera de los pecados ante Dios y los hombres. Y sabemos que la confesión precede a toda relación y vivencia dentro de la fe. No se exagera si se dice que no hay cristianismo sin transparencia. Consecuentemente, la misma debe ser una norma en la relación de los creyentes. Ese fue el verdadero pecado de Ananías y Safira, el no haber practicado la transparencia en la comunidad cristiana.

Leave a Reply

Your email address will not be published.