How to Be a Fruitful Cell Group Coach (Abaixo em português)

By Gerardo Campos, District pastor at Elim Church, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

Some time ago, reading one of Pastor Mario Vega’s writings, I understood the importance of promoting leaders who are competent and able to succeed in a new role such as coaching. Mario was talking about the “Peter Principle,” which says that people are promoted to the level of their incompetence. That is, it’s possible to lose a good leader and gain a bad coach. I understood that the key to becoming a good coach starts with selecting the right people to be promoted.

Another very important aspect is to break with the paradigm of non-biblical authority. That is, we must not try to force people to obey out of fear. Rather, God wants coaches to serve those under their care through humility and kindness.

I met one of our coaches who testified that in more than twenty years, he never had to close a cell. I was amazed at this, so I asked him how he accomplished this. He told me that he truly cared for people under his supervision, gave them lots of attention, and helped them to avoid the pitfalls of cell leadership.

All of us can learn from this coach as we serve those under our care.

Korean blog: (click here)

Portuguese blog:

Como Ser Um Supervisor de Um Grupo de Células

Por Gerardo Campos, pastor distrital da Igreja Elim, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

Há algum tempo, lendo um dos escritos do Pastor Mario Vega, entendi a importância de promover líderes competentes e capazes de ter sucesso em uma nova função como a supervisão. Mario estava falando sobre o “Princípio de Pedro”, que diz que as pessoas são promovidas ao nível de sua incompetência e que é para perder um bom líder e ganhar um mau supervisor. Eu entendi que a chave para se tornar um bom supervisor começa com a seleção das pessoas certas para serem promovidas.

Outro aspecto muito importante é romper com o paradigma da autoridade não bíblica. Ou seja, não devemos tentar forçar as pessoas a obedecer por medo. Em vez disso, Deus deseja que os supervisores sirvam aos que estão sob seus cuidados com humildade e bondade.

Conheci um de nossos supervisores que testemunhou que em mais de vinte anos em sua função, ele nunca teve que fechar uma célula. Fiquei surpreso com isso, então perguntei a ele como ele conseguiu isso. Ele me disse que realmente se importava com as pessoas sob sua supervisão, dava-lhes muita atenção e as ajudava a evitar as armadilhas da liderança de célula.

Todos nós podemos aprender com este supervisor específico ao servirmos aqueles que estão sob nossos cuidados.

Spanish blog:

¿Qué es lo que mejor funciona para ser un buen supervisor?

Por Gerardo Campos, pastor del distrito de la Iglesia Elim, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

Tiempo atrás, leyendo uno de los escritos del Pastor Mario Vega entendí la importancia que tiene la selección de las personas para promoverlas dentro de la estructura celular. El hablaba acerca del «principio de Peter», en el que se dice que las personas son promovidas hasta el nivel de su incompetencia y que eso es lo que se debería evitar ya que podríamos perder un buen líder y ganar un mal supervisor.

Comprendí que la clave para llegar a ser un buen supervisor comienza con la selección de las personas adecuadas para ser promovidas. Otro aspecto muy importante es el de romper con el paradigma de lo que significa recibir una cuota adicional de autoridad. A veces ésta es mal comprendida convirtiéndose en autoritarismo, lo cual hará que las personas obedezcan y traten de hacer el trabajo por temor y no por la motivación que una actitud de servicio y cuidado les puedan generar.

Conocí a uno de nuestros supervisores que testificaba que en más de veinte años en su función como tal nunca había cerrado una célula. Ante el asombro que su declaración producía hablé con él para preguntarle sobre cuál era la clave. Me dijo que él estaba muy pendiente de su sector, lo cual le permitía prever los acontecimientos amenazadores que se pudieran producir a fin de saberlos afrontar a tiempo y de la mejor manera, era un previsor.

Leave a Reply

Your email address will not be published.