Developing a Pastoral Team

By Gerardo Campos, District pastor at Elim Church, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

Above all, the cell structure of the church seeks to serve people. As the church grows, it will be necessary to develop pastoral leadership who can care for the congregation in an integral way. The senior pastor will not be able to offer the pastoral care that people need, and for this reason, the pastor must prepare others to help him do so. How can a pastor reproduce himself in others?

People in the congregation learn from their leaders, and modeling is essential. I believe that a pastor disciples people and exercises effective leadership more through actions rather than words. Sometimes cell churches are in a rush to appoint full-time staff with the title of “pastors.” However, it is a myth that a cell church will be stronger once it has more pastors. In fact, just having more pastors doesn’t mean that the people will be cared for better.

Each church must decide what is best for them in their own context. They must learn to develop peer help and self-care; they must learn to carry out a pastoral role for one another—apart from adding full-time pastors. However, there are congregations who are developing so exponentially that it will be necessary to appoint a very well selected pastoral team that together with the senior pastor provides the support that the other members will need.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Desenvolvendo uma equipe pastoral

Gerardo Campos, Pastor distrital na Igreja Elim, www.elim.org.sv

A estrutura em células da igreja deve, acima de tudo, servir às pessoas. À medida que a igreja cresce, será necessário desenvolver uma liderança pastoral que possa cuidar da congregação de uma maneira integral. O Pastor principal não vai conseguir oferecer o cuidado pastoral que as pessoas precisam, e exatamente por esta razão, ele precisa preparar outras pessoas para ajudá-lo a fazer isso. Mas como o pastor conseguirá produzir outros pastores como ele mesmo, em outras pessoas?

As pessoas da congregação aprendem com seus líderes, e os modelos são essenciais neste processo. Eu acredito que o pastor discipula as pessoas e exercita liderança eficaz muito mais através das suas ações do que através das suas palavras. Às vezes as igrejas em células tem pressa em consagrar pessoas que trabalham em tempo integral na igreja com o título de “pastor”. É um mito que uma igreja será mais forte à medida que tiver mais pastores. A verdade é que o simples fato de que há um número maior de pastores não necessariamente significa que as pessoas estejam sendo mais bem cuidadas.

Cada igreja precisa decidir o que é melhor para o seu próprio contexto. É preciso desenvolver o autocuidado, além do cuidado pelos pares; os membros precisam aprender a desenvolver o cuidado pastoral um pelo outro – independentemente de serem adicionados mais pastores à liderança. Entretanto, de fato há congregações que estão crescendo tão exponencialmente que realmente será necessário preparar uma equipe pastoral muito bem selecionada para, junto com o pastor principal, prover o cuidado que todos os outros membros certamente precisarão.

Spanish blog:

Un mejor equipo pastoral

La estructura celular de una iglesia busca sobre todo atender a las personas. A medida que la iglesia crece será necesario verificar que las personas están siendo acompañadas por alguien que les brinde cuidados de manera integral. El pastor principal difícilmente podrá dar el cuidado que las personas necesitan, por ese motivo debe preperar a otros para que le ayuden a hacerlo. ¿Cómo un Pastor puede reproducirse en otros?

Las personas en la congregación aprenden de sus líderes, y  modelarles la forma en que se pueden ayudar mutuamente es importante. Creo en el discipulado que el pastor ejerce a través de su influencia, con sus acciones más que con las palabras. A veces las iglesias celulares corren de prisa a nombrar personal a tiempo completo dándoles el título de “pastores”. Es un mito el que hace creer que una iglesia celular será más fuerte mientras más pastores tenga. Muchas veces el resultado está muy lejos del propósito inicial de atención a los miembros.

Cada iglesia deberá decidir por lo que mejor le convenga. Deberán aprender a desarrollar la ayuda entre pares y el auto cuido, deberá aprender a realizar una función pastoral de los unos a los otros. No obstante hay congregaciones desarrollándose de manera tan exponencial que se necesitará nombrar un equipo pastoral muy bien seleccionado que junto al pastor principal brinden el soporte que los demás miembros necesitarán.

Forming New Leaders

By Gerardo Campos, District pastor at Elim Church, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

I went to visit a cell church pastor who arranged a meeting with his leaders and coaches. I asked each of them for the name of their new leader candidate for the purpose of praying for them. My request took them by surprise as several of them had not yet made that appointment. I then told them that they could not leave the meeting before giving me their candidate’s name. “What?” you might say. “How could you do that?” “Were you trying to kidnap them?” After a few minutes, I released them. I was only trying to make them aware of the importance of delegation in order to obtain better results.

The first step to generate new leaders is to make the decision to do it. So many make excuses that they don’t have the right person or just can’t think of anyone.  However, the problem is a lack of vision to prepare new leaders. Remember that no matter how inadequate a person may seem, if we disciple them by example and delegate significant cell functions to them, the process of developing them will have begun.

If we accompany this process by wrapping it in prayer, we will be able to help them overcome their weaknesses. The process also involves enrolling them in the church-wide equipping, so that they might grow as Christ’s disciples.

If we are going to effectively make disciples for Christ’s glory and to advance his kingdom, we must intentionally develop new leaders.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Formando novos líderes

Gerardo Campos, District pastor na Elim Church, em San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

Certa vez, fiz uma visita a um pastor de uma igreja em células que providenciou um encontro com seus líderes e supervisores. Eu pedi a cada um deles o nome do candidato a novo líder para que eu pudesse orar por eles. Meu pedido caiu como uma surpresa pois diversos deles ainda não tinham pensando sobre isso. Eu disse que eles não poderiam sair daquele encontro antes de me entregar o nome do candidato a novo líder. “Como assim?”, talvez você esteja se perguntando. “Como você pode ter feito isso?” Depois de alguns minutos, eu liberei todos da reunião. Eu estava apenas tentando mostrar o quão importante é delegar para que obtenhamos os melhores resultados.

O primeiro passo para gerar novos líderes é tomar a decisão de fazer isso. Tantos de nós insistimos em utilizar as desculpas de não ter a pessoa certa ou de que não conseguimos pensar em ninguém. Entretanto, o problema é a falta de visão para preparar novos líderes. Lembre-se que não importa o quão inadequada a pessoa possa parecer, se nós a discipularmos pelo exemplo e delegar-lhe funções significativas da vida da célula, o processo de formação terá sido iniciado.

Se acompanharmos este processo, cobrindo-o com nossas orações, poderemos ajudar cada candidato a superar suas limitações. O processo também envolve a capacitação no viver da igreja como um todo, para que cresçam como discípulos de Cristo.

Se vamos efetivamente fazer discípulos para a glória de Cristo e avançar em seu Reino, precisamos intencionalmente formar novos líderes.

Spanish blog:

Formando nuevos líderes

Gerardo Campos, Pastor del Distrito de la iglesia Elim, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

Fui a visitar a un pastor de una iglesia celular quien organizó una reunión con sus líderes y supervisores. Les pedí a cada uno de ellos el nombre de su candidato a nuevo líder con el propósito de orar por ellos. Mi solicitud les tomó por sorpresa ya que varios de ellos aún no habían hecho ese nombramiento. Fue entonces que les dije que no se podrían retirar de la reunión sin antes haber dado el nombre de su candidato a líder. No sé cómo pude hacer eso, era como una especie de “secuestro”. Pero, después de unos pocos minutos, les liberé. Fue una manera de hacerles ver la importancia de la delegación para poder obtener resultados.

Esa noche entendí que el primer paso para generar nuevos líderes es tomar la decisión de hacerlo, eso era lo que les estaba haciendo falta. Las excusas que algunos presentaron fueron que no tenían a la persona adecuada. Pero, en realidad, lo que hacía falta era enfocarse en formar nuevos líderes.

No importa lo inadecuada que una persona parezca si les discípulamos con el ejemplo y les delegamos funciones celulares significativas el proceso de desarrollarles habrá comenzado.

Si acompañamos ese proceso envolviéndolo en oración lograremos ayudarles a superar sus debilidades. El proceso llega casi a su final cuando se les anima a inscribirse en el curso de formación que la iglesia ofrece. Es satisfactoria la inversión de vida que se hace para que lleguen a ser hombre y mujeres al servicio del reino de Dios.

Acquired at a High Cost

By Gerardo Campos, district pastor at Elim Church, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

God values ​​people and his love causes people to seriously commit themselves to the cause of Christ. A high percentage of the leaders of the Elim church come from very populated parts of the city. Many of them battle with low self-esteem, which only Christ can help them overcome through his saving grace.

Christ’s new life produces in them a strong passion for Christian service, as an expression of gratitude. Living under the lordship of Christ is pleasant when the submission comes from a free, voluntary response to Christ’s loving call. He calls people by their name and gives them a new identity. People began to feel loved again.

One of the greatest incentives is that people are given a chance to serve in cells. They feel important and learn to develop their gifts and talents through empowerment that will lead many to discover how much they are capable of doing for God.

This is what the prophet Isaiah spoke of when prophesying of Christ: “A bruised reed he will not break, and a smoldering wick he will not snuff out. In faithfulness, he will bring forth justice” (Isaiah 42: 3 NIV). This type of passion will stir people to make great sacrifices, even death itself.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Comprado por alto preço

Gerardo Campos, pastor distrital na Igreja Elim, www.elim.org.sv

Deus valoriza as pessoas e o Seu amor gera nelas um sério compromisso com a causa de Cristo. Uma grande parte dos líderes da igreja Elim vêm de áreas extremamente populosas da cidade. Muitos deles sofrem de baixa-estima, o que só Cristo através de sua graça salvadora pode ajudá-los a vencer.

A nova vida em Cristo produz neles uma forte paixão pelo serviço cristão como forma de gratidão. Viver sob o senhorio de Cristo é prazeroso quando a submissão é fruto de uma resposta livre e voluntária ao chamado amoroso de Cristo. Ele chama as pessoas por seu nome e lhes dá uma nova identidade. Elas começam a sentir-se amadas novamente.

Um dos maiores incentivos para as pessoas é a oportunidade de servir nas células. Elas se sentem importantes e aprendem a desenvolver seus dons e talentos através do empoderamento que levará muitos a descobrir o quanto são capazes de fazer para Deus.

Foi isso que o profeta Isaías disse quando profetizou sobre Cristo: “’Não quebrará o caniço rachado, e não apagará o pavio fumegante. Com fidelidade fará justiça” (Isaías 42:3 NVI). Esse tipo de paixão leva as pessoas a grandes sacrifícios, até mesmo à morte.

Spanish blog:

Adquiridos a un alto costo

por Gerardo Campos, pastor del distrito de Iglesia Elim, www.elim.org.sv

De tal manera valora Dios al ser humano que la gratitud lleva a las personas a comprometerse seriamente con la causa de Cristo. En un alto porcentaje los líderes de la iglesia Elim provienen de áreas populares de la ciudad. Muchas de ellas con un pasado de baja autoestima, superado solamente cuando Cristo llega a sus vidas.

La nueva vida produce en ellos una fuerte pasión en el servicio cristiano, como una expresión de gratitud. Vivir bajo el señorío de Cristo resulta agradable cuando la entrega corresponde a una respuesta voluntaria a un llamado muy particular, con nombre y apellido que quizá por mucho tiempo le importó poco a muchas personas.

Uno de los más grandes incentivos que las personas reciben para servir en las células es el poder contar con la oportunidad de hacerlo, ya que encuentran un espacio para ellas al ser tomadas en cuenta, es así como aprenden a desarrollar su potencial por medio del empoderamiento que llevará a muchos a descubrir cuanto son capaces de hacer para Dios.

Es de esto que habló el profeta Isaías cuando profetizando de Cristo dijo: “No quebrará la caña maltratada, ni apagará la llama vacilante. Se encargará de que se haga plena justicia a las víctimas de injusticia” Isaías 42: 3 NBV Esa es la pasión que aceptará grandes desafíos, incluso el de la misma muerte.

Prayer: the strength of the cell church

By Gerardo Campos, district pastor at Elim Church, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

In order to learn about Elim’s cell model, a group of pastors visited us. I taught them key cell church principles. In the teachings, I continually brought up the need for fervent prayer. Suddenly one of the pastors said, “This is too much for my people.”

I took the opportunity to clarify that more important than the transition to a model was the transition to a Christian life of service through prayer. The traditional concept of prayer almost always has to do with the individual. We almost always ask for our needs and for the needs of those closest to us.

The cell church, on the other hand, learns to pray as a lifestyle that intercedes for all people.

Prayer is the key to win new converts, help others overcome their bondages, and to invite God to work in the church. Prayer is the most effective way to make disciples, see growth, generate new leaders, and to achieve the goals of the group, which includes multiplication. 

The very heart of our mission as a church is prayer. For this reason, prayer must permeate everything. As the body without the spirit is dead, so is the church without prayer. The more the church prays, the stronger it becomes.

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Oração. A força de uma Igreja em células

Por Gerardo Campos, Pastor de Distrito na Igreja Elim, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

Um grupo de pastores veio nos visitar com o objetivo de aprender sobre o modelo de células da Igreja Elim. Eu busquei ensiná-los sobre os princípios chave do modelo celular. Enquanto ensinava, frequentemente mencionava a necessidade de orarmos com fervor. De repente, um dos pastores disse: “Isso é demais para o meu pessoal”.

Eu aproveitei aquela oportunidade para deixar claro que a transição para uma vida cristã de serviço através da oração era ainda mais importante do que a transição para um determinado modelo. O conceito tradicional de oração quase sempre está ligado com o indivíduo. Quase sempre pedimos pelas nossas necessidades e por aquilo que as pessoas mais próximas a nós estão precisando.

Por outro lado, a igreja em células aprende que a oração é um estilo de vida em que se intercede por todas as pessoas.

A oração é a chave para ganhar novos convertidos, ajudar as pessoas a livrarem-se de suas cadeias, e para convidar Deus a agir na Igreja. A oração é a maneira mais eficiente de fazer discípulos, assistir o crescimento, gerar novos líderes e alcançar os objetivos da célula, que inclui a multiplicação.

O coração da nossa missão como Igreja é a oração. Por esta razão, a oração deve permear tudo o que fazemos. Assim como o corpo sem o espírito é um corpo morto, assim é a igreja sem a oração. Quanto mais a igreja ora, mais forte ela se torna.

Spanish blog:

La fortaleza de una iglesia celular

Por Gerardo Campos, Pastor del Distrito en Igreja Elim, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

Con el propósito de conocer el modelo celular de Elim, nos visitaba un grupo  de pastores a quienes enseñaba cómo llegar a ser una iglesia celular. En las enseñanzas estaba siempre presente el tema de la oración y era tan recurrente que súbitamente uno de los pastores interrumpió para exclamar:

 —¡Eso es demasiado para las personas!—

Aproveché la oportunidad para aclarar que más importante que la transición hacia un modelo era la transición hacia una vida cristiana de servicio por medio de la oración. El concepto tradicional de oración casi siempre tiene que ver con lo individual, casi siempre pedimos por nuestras necesidades y por la de los más cercanos a nosotros. La iglesia celular aprende a orar en un estilo de vida que intercede por todas las personas.

Es la manera de hacer invitados, de ayudar a los demás a vencer sus limitaciones y ser quienes Dios quiere que sean, es la forma más eficaz de lograr conversiones, de generar nuevos líderes haciéndoles verdaderos discípulos de Cristo, para alcanzar las metas del grupo y lograr su multiplicación, es el camino para llegar a ser un líder de éxito en la misión recibida y, así, la oración permea todo. Como el cuerpo sin el espíritu está muerto, la iglesia sin oración. Mientras más se ora, más fuerte es la iglesia.

Finding God in the Midst of a Pandemic

By Gerardo Campos, district pastor at Elim Church, San Salvador, El Salvador, www.elim.org.sv

Resetting refers to starting over, or starting again. It’s a return to a new beginning.

Those at the Elim church have lived a certain way for a long time. Our life in the cell model has taken on an almost automatic way of thinking each week.

Suddenly, Covid-19 has brought on a new way of thinking and relating socially. The pandemic has given us a new opportunity to rethink our lives from the depths of our beings, so a better self can emerge.

The problem is that because we are beings of habits, we do not assimilate changes in a positive way, and we often evaluate things from a negative standpoint.

In our case in El Salvador, the pandemic has left many alone in their homes without the personal, face-to-face help of cell leaders, coaches, and pastors. Bad feelings are generated in many that don’t allow them to receive the healing that they so desperately need.  

Yet, in this time of reflection caused by the Covid-19 virus, we must ask Jesus to give us a “new beginning” or a “new start.” It’s time to reset and see God’s movement in an entirely new way. God is in control of all things, and he works everything together for good, so that might be more like his son Jesus (Romans 8:29).

Korean blog (click here)

Portuguese blog:

Encontrando Deus em meio à Pandemia

Gerardo Campos, pastor distrital na Igreja Elim, www.elim.org.sv

Recomeçar significa reiniciar, ou seja, iniciar novamente. É o retorno para um novo início.

Na Igreja Elim temos vivido de uma certa maneira por um bom tempo. Nossa vida no modelo celular tem se desenvolvido em uma maneira de pensar quase automática semana após semana.

De repente, a Covid-19 nos trouxe um novo jeito de pensar e de relacionamento social. A pandemia nos proporcionou a oportunidade de repensar nossas vidas do mais profundo do nosso ser, de maneira que uma pessoa melhor possa surgir.

O problema é que como somos criaturas de hábitos, nós não assimilamos mudanças como algo positivo, e frequentemente avaliamos as situações de um ponto de vista negativo.

Em nosso caso, em El Salvador, a pandemia deixou muitas pessoas sozinhas em suas casas sem a ajuda pessoal, face a face, de um líder de células, supervisores e pastores. Sentimentos ruins são gerados nos corações de muitos, e isso os impede de receber a cura de que tanto precisam.

No entanto, nesse período de reflexão causado pelo vírus Covid -19, nós precisamos pedir a Jesus que nos dê um “novo início “ou um “recomeço”. É tempo de reiniciar e observar o agir de Deus de uma maneira inteiramente nova. Deus está no controle de todas as coisas, e faz com que tudo coopere para o bem, para que possamos ser cada vez mais como seu filho Jesus (Romanos 8:29).

Spanish bog:

En medio de una endemia

Gerardo Campos, pastor distrital na Igreja Elim, www.elim.org.sv

Resetear es una forma en la que se suele llamar a la acción de Reset, que en idioma inglés consiste en el Reinicio, o bien, la Reposición hacia un estado inicial, una vuelta al principio o bien un nuevo comienzo.

En nuestro caso el incorporarnos a una nueva forma de relacionarnos socialmente debería de verse como la oportunidad de hacer una introspección a fin de replantear nuestra vida desde lo profundo para que surja aún más lo mejor de nosotros.

Nuestra vida llevaba un rumbo casi automático, el modelo celular, la aplicación de la rutina de cada semana, la monotonía de la inercia, no nos permitía esta gran oportunidad que tenemos ahora de mejorar.

El problema es que por ser seres de costumbres no asimilamos los cambios de una manera positiva y evaluamos lo que ya no puede acompañarnos más. El modelo celular deberá redirigirse, sentimos la partida de valiosas personas que partieron con el Señor y no logramos asimilar el gran ejemplo de servicio que nos han dejado. Se genera en nosotros un sentimiento de tristeza que no nos deja recibir la sanidad del Señor para continuar en la dirección que él nos está guiando.

En este alto en que las diferentes formas de confinamiento nos impidieron continuar por donde veníamos, debemos lograr una vuelta al principio de un nuevo comienzo. Dios está al control de todas las cosas y él las prepara a nuestro favor con la finalidad de ser conformados a la imagen de su hijo.

Sumate a la Obra Misionera a Pueblos No Alcanzados